nsc
    dc

    Normas

    Coronavírus em SC: veja regras para reabertura de academias, shoppings, restaurantes e dedetizadoras

    Quatro portarias regulamentam as atividades nos estabelecimentos autorizados a reabrirem a partir desta quarta-feira (22)

    22/04/2020 - 05h27 - Atualizada em: 22/04/2020 - 16h32

    Compartilhe

    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    João Lucas
    Por João Lucas Cardoso
    Estabelecimentos abriram depois de 34 dias fechados
    Estabelecimentos abriram depois de 34 dias fechados
    (Foto: )

    O governo catarinense publicou nessa terça-feira (21) no Diário Oficial quatro novas portarias com flexibilizações de serviços no Estado. Elas normatizam o funcionamento de academias, centros comerciais, restaurantes e dedetizadoras a partir desta quarta (22). As medidas são adotadas na data em que se completam 34 dias do primeiro decreto de emergência em SC, que determinou o cancelamento de atividades e o fechamento de todos os setores considerados não essenciais por conta do coronavírus.

    A liberação das atividades acontece na quinta semana da quarentena e depois que outros setores como construção civil, cadeia automotiva, profissionais liberais e o próprio comércio de rua já haviam sido liberados pelo Estado.

    A circulação do transporte coletivo e aulas presenciais permanecem suspensos, como forma de evitar um número ainda mais alto de contaminados por Covid-19 em hospitais. As orientações sobre aglomerações seguem as mesmas.

    Na última atualização, o governo divulgou 37 mortes e 1.091 contaminados em SC.

    Confira as regras de cada setor

    Todos os setores terão uma série de regras a seguir, que vão da higienização do ambientes e da exigência de higienização das mãos dos clientes e funcionários, ao tempo de permanência nos locais e a limitação de pessoas nos espaços abertos ao público. As principais normas estão listadas abaixo, confira.

    Brasil soma 2.741 mortes por Covid-19, com 43.079 casos confirmados

    Academias

    - Estão inclusos estabelecimentos para prática de exercícios físicos. Além de academias, o decreto engloba crossfit, funcionais, estúdios, danças, escolas de natação, hidroginástica e escolas de lutas.

    - Podem funcionar com 30% da capacidade e distanciamento mínimo de cada pessoa é de 1.5m

    - É obrigatório funcionários e alunos estarem de máscaras, inclusive para a realização dos treinos.

    - Tempo máximo permitido para a permanência de um aluno é de 60 minutos

    - Entre a saída de um grupo de alunos e outro, deve haver uma pausa de 15 minutos para limpeza do piso do ambiente e evitar o cruzamento de pessoas.

    - Entrada do local deve ter álcool 70%, com registro manual de acesso e saída de alunos - sem registro por meio de digitais.

    - Alunos e funcionários devem higienizar as mãos antes e depois de entrar no estabelecimento e antes e depois de usar cada equipamento.

    - Esteiras, bicicletas ergométricas e similares devem ter 1.5 de distância.

    - Academia deve disponibilizar álcool 70% aos alunos durante o treinamento.

    - Celulares estão proibidos durante a prática da atividade física.

    - Obrigatório o uso de toalha individual na prática de toda a atividade.

    - Todas as pessoas devem manter o cabelo preso durante o treino

    - Bebedouros estarão desativados. Alunos devem levar a água de casa

    - Não é permitido o uso dos vestiários

    - Clientes do grupo de risco ou que apresentem sintomas de resfriados não podem entrar

    Shoppings, centros comerciais e galerias

    abriu
    (Foto: )

    - Horário de segunda a domingo das 12h às 20h. Exceto lojas de alimentação e restaurantes, que poderão funcionar até às 22 horas.

    - Cinemas, parques e praças de diversão seguem fechados

    - Limitação de 50% da capacidade de clientes, com distanciamento de 1,5m de raio entre as pessoas

    - Limpeza das mãos com álcool gel nos acessos, para entrada e saída, e com funcionário em tempo integral para orientação e controle.

    - Uso de máscara obrigatório para clientes e funcionários

    - Disposição de álcool 70% em áreas comuns (corredores, lojas, acessos e saídas de escadas ou elevadores, estacionamentos)

    - Os elevadores devem ser usados apenas para pessoas com dificuldade de locomoção; escadas rolantes ou normais devem ser indicadas.

    - Limpeza contínua de locais de uso dos clientes e trabalhadores

    - Proibida a realização de eventos, como show e apresentações, que possam gerar aglomeração de pessoas.

    - Provas de produtos estão proibidas - vestuário, cosméticos, acessórios, bijuterias, calçados e de produtos de beleza e cosméticos, - e os provadores das lojas devem estar fechados;

    - O número de clientes dentro de lojas não pode ultrapassar a 50% da capacidade;

    - A loja deve disponibilizar álcool 70% para higienização das mãos de clientes antes de manusear qualquer produto.

    - Máquinas para cartão devem ser higienizadas após cada uso. É permitido envolver estas máquinas em plástico filme

    - Praças de alimentação devem garantir distanciamento de 1,5m de raio entre as pessoas para consumo no local

    - Em caso de estacionamento controlado, deverá disponibilizar acesso e saída sem que cliente toque as mãos em equipamentos.

    - Ao lado dos caixas eletrônicos deve ser disponibilizado álcool 70%

    - Lojistas devem recomendar aos trabalhadores não retornarem para casa com roupas de trabalho

    Oktoberfest Blumenau 2020 só ocorrerá "se tudo estiver resolvido", diz secretário

    Restaurantes

    Estão inclusos bares, cafeterias, pizzarias, casas de chás, casas de sucos, lanchonetes, confeitarias e afins.

    - Afastamento mínimo de distância de 1,5 m de raio entre cada cliente que estiver consumindo no local;

    - Os clientes devem usar máscara ao entrar no estabelecimento, devendo retirar apenas no momento da refeição, colocando-a novamente após o término;

    - Os locais disponíveis para assento deverão estar sinalizados de forma adequada para fácil identificação dos clientes;

    - Somente os clientes que estiverem de máscaras poderão acessar o estabelecimento;

    - Álcool 70% devem ser oferecidos na entrada e no início da fila do buffet;

    - Talheres devem estar embalados individualmente. Pratos, copos e demais utensílios protegidos precisam ficar protegidos;

    - Todo cliente precisará higienizar mão com álcool e calçar luvas descartáveis que serão oferecidos pelos estabelecimentos, antes de pegar os pratos e os talheres.

    - Os talheres para servir só poderão ser manuseados com as luvas;

    - Filas de caixa e de atendimento devem ter distância mínima de 1,5;

    Dedetizadoras

    - Utilização de máscara durante todo o funcionamento do serviço para trabalhadores e clientes, de tecido não tecido (TNT) ou tecido de algodão, quando o serviço não exigir o uso de máscara específica para o exercício da função;

    - Obrigatoriedade de higienização de mãos com álcool 70% e do uso de máscaras;

    - Limitação de entrada de pessoas em estabelecimentos que atendam o público em 50% (cinquenta por cento) da capacidade dos mesmos, podendo estes estabelecerem regras mais restritivas;

    - Medidas internas relacionadas à saúde do trabalhador, necessárias para evitar a transmissão do coronavírus no ambiente de trabalho, devem ser adotadas: priorizar o afastamento, sem prejuízo de salários, dos trabalhadores pertencentes a grupos de risco, tais como pessoas com idade acima de 60 anos, hipertensos, diabéticos, gestantes e imunodeprimidos.

    Painel do Coronavírus: veja em mapas e gráficos a evolução dos casos em SC

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Economia

    Colunistas