nsc
    dc

    Tragédia

    Corpo de motorista de caminhão é encontrado em rio no Oeste de SC

    Buscas envolveram mergulhadores e duraram cinco horas

    20/01/2021 - 08h41

    Compartilhe

    Fernanda
    Por Fernanda Mueller
    Equipe de 11 bombeiros, dentre esses, cinco mergulhadores trabalharam nas buscas no Rio Irani
    Equipe de 11 bombeiros, dentre esses, cinco mergulhadores trabalharam nas buscas no Rio Irani
    (Foto: )

    O corpo de um motorista de caminhão que caiu no Rio Irani, entre Chapecó e Arvoredo, no Oeste de SC, foi encontrado na tarde de terça-feira (19). Segundo o Corpo de Bombeiros, os mergulhadores levaram cerca de cinco horas para localizar o homem de 42 anos que estava desaparecido. 

    > Cabeça encontrada em São José pode ter ligação com atropelamento; polícia espera por DNA

    Conforme o tenente do 6º Batalhão de Bombeiros Militar, Tiago Lucian, os socorristas foram acionados na manhã de terça sobre a suspeita de um caminhão que havia caído no Rio Irani. Ao chegar no local, os socorristas encontraram uma parte do veículo, uma carreta Scania, que estava a oito metros da margem do rio e a cerca de 10 metros de profundidade. Eles continuaram as buscas por possíveis vítimas.

    > Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

    Segundo o tenente, após cerca de cinco horas de trabalho, a equipe de 11 bombeiros, dentre esses, cinco mergulhadores, conseguiu encontrar o corpo do motorista do caminhão. O homem, de 42 anos, era morador de Minas Gerais.

    Buscas por corpo de motorista no Rio Irani levaram cinco horas
    Buscas por corpo de motorista no Rio Irani levaram cinco horas
    (Foto: )
    Homem de 42 anos encontrado no Rio Irani era morador de Minas Gerais
    Homem de 42 anos encontrado no Rio Irani era morador de Minas Gerais
    (Foto: )

    Leia também

    Luciano Hang está internado em São Paulo com coronavírus

    Dinheiro falso é apreendido em Blumenau e três pessoas são presas; Veja o vídeo

    Operação Alcatraz: ex-presidente da Casan, Valter Gallina é alvo de busca e apreensão

    Colunistas