nsc
    an

    Pandemia

    "É assustador", diz secretário da saúde de Joinville sobre efeitos da nova variante do coronavírus

    Segundo Jean Rodrigues da Silva, variante atinge jovens, adultos e idosos, com agravamento em menos de 72 horas

    09/03/2021 - 13h42 - Atualizada em: 09/03/2021 - 13h43

    Compartilhe

    Hassan
    Por Hassan Farias
    Secretário Jean Rodrigues da Silva
    Secretário Jean Rodrigues da Silva
    (Foto: )

    O secretário da saúde de Joinville, Jean Rodrigues da Silva, descreve como "assustadores" os impactos causados pela variante brasileira do coronavírus, que já está em circulação na maior cidade de Santa Catarina. São cinco casos confirmados no município, sendo três de transmissão local e outros dois importados.

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    - Essa nova variante está pegando jovens, adultos e idosos. Está desencadeando um processo de agravamento em menos de 72 horas. A pessoa entra com febre e sai entubada. É assustador - descreveu em entrevista à CBN Joinville na manhã desta terça-feira (9).

    A maior transmissibilidade da variante tem infectado mais pessoas e levado ao esgotamento dos leitos em Joinville. Diante do cenário, o município decidiu decretar toque de recolher à noite e outras regras mais rígidas para tentar conter o avanço do coronavírus.

    Até o momento, a cidade confirmou cinco casos identificados da variante brasileira. São cinco homens, de 39 a 72 anos. Quatro moram em bairros da zona Leste e um vive na zona Sul da cidade. Dois dos infectados têm histórico de viagem para Manaus, mas os demais não saíram de Joinville, o que fez o município confirmar a existência de transmissão comunitária da variante.

    > Internações em Joinville por Covid-19 continuam aumentando; boletim de divulgação tem mudança

    Suspeita de variante inglesa

    As equipes da Vigilância em Saúde do município e da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) do Estado acompanham um morador de Joinville suspeito de ter contraído a variante inglesa do novo coronavírus.

    Segundo o município, o caso é de um homem de 26 anos, morador da zona Sul da cidade, e sem histórico de viagem ao exterior. Ele foi atendido em 17 de fevereiro em um hospital particular e o quadro de saúde permaneceu estável.

    > Joinville abrirá 18 novos leitos de UTI para Covid-19 até o fim de março, diz secretário

    A variante inglesa foi identificada pela primeira em dezembro de 2020 pelas autoridades sanitárias do Reino Unido. Ela é considerada mais contagiosa do que a versão original e já está presente em 60 países, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

    Leia também

    > Toque de recolher de Joinville tem previsão de multa

    > Joinville define multa de R$ 6,3 mil para ônibus com lotação acima do limite

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas