nsc
    hora_de_sc

    Redes sociais

    Facebook é notificado em Florianópolis por suposto vazamento de dados

    Oito milhões de brasileiros estariam entre os usuários que tiveram dados vazados na rede social

    08/04/2021 - 05h00

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação Hora
    Falha teria afetado cerca de 553 milhões de usuários do Facebook
    Falha teria afetado cerca de 553 milhões de usuários do Facebook
    (Foto: )

    O Facebook foi notificado pelo Procon de Florianópolis nesta quinta-feira (7) para confirmar se o suposto vazamento de dados de usuários realmente ocorreu e esclarecer quais medidas foram tomadas após a falha. O órgão também pede explicações sobre como a rede social preserva as informações prestadas pelos internautas conectados. O prazo para resposta é de até 48h após o recebimento da notificação. 

    > Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

    O Procon da Capital levou em consideração informações divulgadas pela revista Business Insider no último fim de semana. Segundo matéria publicada, cerca de 553 milhões de usuários do Facebook tiveram seus dados vazados por hackers, dos quais, 8 milhões seriam brasileiros. Os dados incluem telefones celulares, nome completo, data de nascimento, biografias e e-mails.

    Secretário de Defesa do Cidadão, Gabriel Meurer, explica que a possível falha no sistema descumpre o Código de Defesa do Consumidor, além de ferir a Lei de Proteção de Dados:

    - É muito grave ter informações pessoais divulgadas na internet, por isso o Procon tomou uma atitude. Nos próximos dias vamos avaliar a resposta do Facebook e, se entendermos que for necessário, tomaremos novas medidas.

    No início de fevereiro, o Facebook já tinha sido notificado pelo órgão, ao anunciar que mudaria sua política de privacidade. Um auto de infração será confeccionado contra a empresa, segundo o Procon, que também deve ser multada por não se manifestar dentro do prazo estipulado. 

    > Saiba como se proteger do golpe do Whatsapp, crime virtual que tem feito vítimas em SC

    > Golpe do WhatsApp: como ativar a segurança em duas etapas para ficar seguro

    De acordo com um porta-voz da plataforma para o Business Insider, o vazamento ocorreu em 2019 devido a uma vulnerabilidade que já teria sido corrigida.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas