nsc
santa

Crime

Farra do boi provoca operação no Litoral de SC e polícia mira organizadores

Investigações começaram após uma série de ocorrências envolvendo a prática no bairro Araçá, em Porto Belo

18/05/2022 - 12h11

Compartilhe

Por Giulia Machado
Animal foi apreendido nesta terça-feira (17) e será encaminhado para abate
Animal foi apreendido nesta terça-feira (17) e será encaminhado para abate
(Foto: )

Uma operação da Polícia Civil contra a farra do boi cumpriu cinco mandados de busca e apreensão em Porto Belo e Bombinhas na manhã desta quarta-feira (18). As investigações começaram após uma série de ocorrências envolvendo essa prática no bairro Araçá, em Porto Belo, no Litoral Norte do Estado.

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

No último domingo (15), houve mais uma denúncia de farra do boi no local. O animal foi encontrado na terça-feira (17), e encaminhado para a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), que deve abater o bicho.

A situação acontece porque na maioria dos casos os farristas retiram o "brinco" de identificação da orelha do boi, o que deixa o animal irregular e causando risco sanitário no Estado. 

O procedimento padrão nesses casos é o abate. De acordo com a Cidasc, um animal doente pode acabar com toda a produção de suínos e bovinos, além de suspender a exportação de carnes.

Durante as buscas em uma das casas em que foi cumprido o mandado, a polícia ainda encontrou dois pássaros, um papagaio e uma coleira sem autorização do órgão ambiental, além de gaiolas e armadilha para capturar aves.

A investigação é da Delegacia de Polícia de Porto Belo, com apoio da Delegacia de Polícia de Bombinhas, Polícia Militar e Grupo de Operações e Resgate (GOR).

> Farra do boi com cerca de 50 pessoas é encerrada em Itapema

A polícia reuniu registros de farra do boi desde 2020 durante o inquérito policial, que deve ser concluído após a análise do material apreendido nesta quarta-feira.

Os responsáveis devem responder por maus-tratos aos animais, que prevê pena de três meses a um ano e multa, e associação criminosa, com pena de reclusão de um a três anos.

Veja imagens da operação

Boi foge para o mar

Em maio de 2021, um vídeo gravado por pessoas que estavam em lanchas na região do Caixa D'aço, em Porto Belo, chamou a atenção na internet. Na tentativa de fugir de farristas no bairro Araçá um boi entrou no mar. Naquela mesma semana, 15 denúncias de farra do boi haviam sido recebidas e atendidas pelo GOR.

Na época, o GOR afirmou que os agentes sofriam ameaças ao ir aos locais de denúncia. De acordo com o presidente do grupo, Pedro Henrique da Silva, ao entrar no bairro Araçá para fazer buscas pelos animais os agentes sofriam retaliações.

Farra do boi é crime

A prática de farra do boi se enquadra na Lei 9.605, que criminaliza a prática de abuso e maus-tratos a animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.

* Sob supervisão de Augusto Ittner

Leia também

Mulher flagrada jogando cachorro no lixo em Blumenau vai responder por maus-tratos

Filhotes de animais resgatados em Blumenau em 2021 encantam pela fofura; veja fotos

Casos de maus-tratos a animais causam comoção em SC e agressores podem ser presos

Preso é assassinado dentro de cela na penitenciária de Blumenau

Colunistas