nsc
dc

Tragédia

Fãs tentam saquear itens de Marília Mendonça após acidente de avião

Motivo da queda da aeronave é investigada pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa)

06/11/2021 - 09h40

Compartilhe

Metrópoles
Por Metrópoles
Avião que vitimou Marília Mendonça e mais quatro pessoas
O avião ainda está na região de Piedade de Caratinga
(Foto: )

O avião que vitimou a cantora Marília Mendonça, de 26 anos, e mais quatro pessoas, ainda está na região de Piedade de Caratinga, em Minas Gerais. Neste sábado (6), a equipe da Globo foi ao local do acidente e revelou que algumas pessoas tentaram furtar itens pessoais da artista.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Em link ao vivo no É de Casa, o repórter Manoel Soares pediu que fãs curiosos não tentem se aproximar da região, pois o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) está em fase de investigação para descobrir o motivo da queda da aeronave.

— Eu estava zapeando pelas redes sociais e vi muita gente se perguntando o motivo de o avião ainda estar no local do acidente. Foi ótimo o Manoel ter dito para as pessoas não se aproximarem, pois tem toda uma perícia a ser feita para entender o que aconteceu. Eu não paro de pensar no que o Manoel disse na primeira entrada ao vivo. Ele contou que pessoas tentaram se aproximar do avião para tentar furtar alguma coisa da cantora, uma mala, uma lembrança… mas gente, por favor, além de perigoso, não faz sentido nenhum — disse Tati Machado, dos estúdios Globo.

Veja fotos da cantora Marília Mendonça:

Leia mais no Metrópoles, parceiro do NSC Total.

Leia também

Velório de Marília Mendonça tem expectativa de receber 100 mil pessoas, diz governador

Marília Mendonça publicou vídeo dentro de avião que caiu em MG

Marília Mendonça foi um ícone do empoderamento feminino na música sertaneja

Colunistas