nsc
santa

DESRESPEITO NO LITORAL

Fiscalização em Balneário Camboriú interdita 2 locais e encerra 3 festas

Já são mais de 577 denúncias de desrespeito às restrições sanitárias de contenção da Covid-19 desde janeiro

26/04/2021 - 15h40

Compartilhe

Brenda
Por Brenda Bittencourt
Dois estabelecimentos foram interditados pela Vigilância Sanitária neste fim de semana em Balneário Camboriú
Dois estabelecimentos foram interditados pela Vigilância Sanitária neste fim de semana em Balneário Camboriú
(Foto: )

Dois estabelecimentos foram interditados e três festas, encerradas pela fiscalização em Balneário Camboriú, no Litoral Norte Catarinense entre sexta-feira (23) e domingo (25) por desrespeitarem as regras do decreto vigente para a contenção do coronavírus.

> Receba todas as notícias de Balneario Camboriú e região pelo WhatsApp

As festas encerradas aconteciam em dois bairros da cidade. Duas delas no Estaleiro e a terceira no Estaleirinho, entre sexta (23) e sábado (24). Elas foram encerradas no momento em que a fiscalização feita pela Operação Se Cuida BC chegou no local.

Já os estabelecimentos foram interditados pela Vigilância Sanitária por pelo menos sete dias por estarem funcionando após o horário permitido pelo decreto. Além disso, outros locais, comércios e restaurantes foram orientados na cidade.

Pessoas que estavam nas praias também receberam orientações

Quatro meses de desrespeito às regras

Balneário Camboriú soma mais de 577 denúncias de desrespeito às restrições sanitárias para a contenção da Covid-19 nos primeiros quatro meses de 2021. Até 21 de abril, foram, em média, cinco denúncias por dia conforme levantamento feito a pedido do Santa.

Nestes 111 dias do ano, diversos casos de aglomerações, festas clandestinas e ilegais foram contabilizados pela Vigilância Sanitária e pela Fiscalização de Postura do município. Alguns deles, inclusive, chegaram a virar caso de Justiça.

Leia também

> Rompimento de tubulação vaza 3 milhões de litros de água e causa estragos em Blumenau

> Cortina do abraço aproxima idosos e familiares em asilos de Blumenau e região

> Cia. Hering é vendida para o Grupo Soma

> Pai morre por Covid-19 após enterrar dois filhos pela doença em Ituporanga

Colunistas