nsc
hora_de_sc

Crime

Golpe de venda de criptomoedas falsas é descoberto em São José e Palhoça

Conforme as informações, os golpistas anunciavam a venda dos criptoativos na internet, onde eram feitas inclusive comparações com a bitcoin

01/12/2021 - 15h05

Compartilhe

Gabriela
Por Gabriela Ferrarez
Foram apreendidos notebooks, computadores, celulares e documentos que segundo a Polícia Civil, comprovam a prática do crime
Foram apreendidos notebooks, computadores, celulares e documentos que segundo a Polícia Civil, comprovam a prática do crime
(Foto: )

Um esquema de venda de criptomoedas falsas em Santa Catarina foi descoberto pela Polícia Civil, que na manhã desta quarta-feira (01) cumpriu seis mandados de busca e apreensão em São José e Palhoça, na Grande Florianópolis.

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

A operação “Nasda Coin” foi desencadeada pela Delegacia de Defraudações da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC/PCSC). De acordo com a Polícia Civil, os criminosos vendiam criptoativos que não existiam e, após receber o dinheiro em espécie, prometiam a valorização de 100% em curto espaço de tempo. Mas as criptomoedas nunca eram entregues e nem o valor pago.

Conforme as informações, os golpistas anunciavam a venda das criptomoedas na internet, onde eram feitas, inclusive, comparações com a bitcoin.

Na casa e nos escritórios dos envolvidos no golpe, foram apreendidos notebooks, computadores, celulares, veículos e documentos que, segundo a Polícia Civil, comprovam a prática do crime.

Leia também

Seis apartamentos são interditados após incêndio em condomínio em Florianópolis

Cidades de SC alteram programação de Réveillon após portaria com novas regras para eventos

Fast food chama cliente de "mudo" em SC e vira alvo de denúncia no Procon

Colunistas