O Google lançou, nesta quarta-feira (6), um novo modelo de inteligência artificial (IA), o Gemini. A ferramenta é tratada pela empresa como a mais poderosa já criada pela equipe. Ela funciona como o “motor” do Bard, IA do Google concorrente do ChatGPT. Por enquanto, ela está disponível apenas em inglês. As informações são do g1.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O Bard é um robô de conversa, como o ChatGPT: o usuário entra na página e conversa com a IA. Baseado em aprendizado de máquina, ele é capaz de simular respostas de humanos às perguntas feitas pelos usuários. Eles usam um banco de dados para fornecer as informações.

Segundo o Google, o Gemini conseguiu superar a capacidade humana em um teste de conhecimento e solução de problemas com 57 temas, incluindo matemática, física e história. A empresa também diz que ele se saiu melhor nesse teste do que o GPT-4, que seria o concorrente direto da ferramenta.

Bard do Google: tudo sobre o “novo” ChatGPT

Continua depois da publicidade

Ainda conforme a empresa, o Gemini será útil em tarefas que exigem mais capacidade de raciocínio, como códigos de programação ou a tarefa de casa.

A ferramenta deve conseguir rodar tanto em equipamentos mais avançados como também nos mais simples, como celulares. A IA terá três versões:

  • Gemini Ultra: liberado apenas em 2024, será voltado para tarefas mais complexas;
  • Gemini Pro: voltado para atender usuários com uma ampla gama de tarefas. Disponível a partir desta quarta-feira no Bard, e a desenvolvedores, a partir de 13 de dezembro;
  • Gemini Nano: vai rodar em dispositivos móveis como o Pixel 8 Pro, o celular do Google.

Leia mais

Entenda como a inteligência artificial está transformando o mundo

Empresas de SC apostam na Inteligência Artificial com soluções inovadoras

Destaques do NSC Total