nsc
santa

Saúde

Hospital de Brusque inaugura centro de hemodinâmica com investimento superior a R$ 5 milhões

Valor foi arrecadado por empresários da região durante uma campanha liderada por Luciano Hang

21/10/2021 - 13h34

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
Equipamento importado faz imagens e diagnóstico do sistema circulatório
Equipamento importado faz imagens e diagnóstico do sistema circulatório
(Foto: )

O Hospital Azambuja, de Brusque, inaugurou um centro de hemodinâmica, responsável pelo atendimento de doenças como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC). O valor investido superou os R$ 5 milhões, resultado de arrecadação de empresários da região durante uma campanha liderada por Luciano Hang.

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

O principal equipamento do novo setor, inaugurado nessa terça-feira (19), um angiógrafo, foi importado com um investimento de mais de R$ 2 milhões. Ele faz imagens e diagnóstico do sistema circulatório.

A campanha de arrecadação do valor para a obra começou no início de 2019. Por meio dela, foram arrecadados R$ 5 milhões, que somados a uma contrapartida do próprio hospital foram usados para adquirir os equipamentos e fazer as obras, além da reforma e ampliação da recepção geral, do centro de parto normal e do pronto socorro.

De acordo com Hang, quem precisava do serviço de hemodinâmica pela rede pública de saúde era encaminhado a outras cidades da região, como Blumenau e Itajaí. A campanha também foi liderada pelos empresários Ingo Fischer, Ademar Sapelli e Osmar Crespi.

De acordo com o secretário de Saúde de Brusque e médico do Azambuja, Osvaldo Quirino de Souza, o serviço que passará a ser oferecido será referência no Estado.

O centro de hemodinâmica recebeu o nome do diretor-administrativo da instituição, Padre Nélio Roberto Schwanke, que atua no Azambuja há mais de 37 anos.

Atendimento ao público

O centro inicia os atendimentos a pacientes particulares e com convênio a partir da próxima segunda-feira (25). Para atender os pacientes do SUS, é preciso criar um histórico de serviços no setor primeiro. Portanto, após seis meses do serviço instalado, o hospital poderá requerer o credenciamento junto ao Ministério da Saúde para atendimento gratuito.

Veja fotos

Leia também

Conheça em fotos as 12 praias de Santa Catarina com selo Bandeira Azul

Ruas de Blumenau receberão novo asfalto; veja cronograma

Calçadão Brueckheimer em Blumenau pode ganhar cobertura

Preço da gasolina motiva notificação de 21 postos de combustíveis em Blumenau

Hospitais do Vale cobram passaporte de vacinação de visitantes

Colunistas