nsc
    dc

    Violência

    Identificada idosa assassinada com golpes de tesoura em Chapecó

    Mulher foi encontrada por familiares durante a manhã, já sem vida

    16/04/2021 - 15h35 - Atualizada em: 16/04/2021 - 15h42

    Compartilhe

    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    Orentina da Silva Paye tinha 89 anos e morava no bairro Passo dos Fortes
    Orentina da Silva Paye tinha 89 anos e morava no bairro Passo dos Fortes
    (Foto: )

    A idosa que foi encontrada morta com uma tesoura cravada no pescoço na manhã desta sexta-feira em Chapecó (16), no Oeste de SC, foi identificada como Orentina da Silva Paye, de 89 anos. A mulher foi encontrada por familiares com ferimentos pelo corpo e já sem vida.

    > Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

    As familiares da vítima relataram à polícia que foram até a casa onde ela morava, no bairro Passo dos Fortes, buscar uma receita de um remédio. Ao chegaram ao local encontraram a porta da residência aberta e acionaram a PM.

    A casa estava revirada e, em um dos cômodos, os agentes encontraram a idosa morta. O Instituto Geral de Perícias (IGP) foi acionado. Procurado, por meio da assessoria de imprensa, o IGP não passou informações sobre a causa da morte, nem sobre possíveis sinais de luta que possam ter verificado no local.

    A Polícia Civil está em diligências e o delegado responsável pelo caso, Vagner Papini disse que vai se manifestar até o final do dia. 

    Leia também

    Quem era o motociclista que morreu após ser arrastado por caminhão em Jaraguá do Sul

    Assassinato de adolescente em Chapecó foi motivado por rivalidade de facções criminosas, diz polícia

    Médium escreve carta psicografada sobre Paulo Gustavo: mensagem seria de uma ancestral do artista

    Colunistas