nsc
an

Luto

Quem era o motociclista que morreu após ser arrastado por caminhão em Jaraguá do Sul

Vítima deixa esposa e filho que vai completar quatros anos de idade no próximo mês

16/04/2021 - 10h31

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Gedson Willian Machado dos Santos tinha 24 anos
Gedson Willian Machado dos Santos tinha 24 anos
(Foto: )

A Polícia Civil confirmou a identidade do motociclista que morreu em um acidente na tarde da última quinta-feira (15) em Jaraguá do Sul, no Norte de Santa Catarina. Gedson Willian Machado dos Santos, 24 anos, não resistiu após cair embaixo de um caminhão e ser arrastado pelo veículo. 

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

De acordo com o delegado Fabiano Silveira, será aberto um inquérito civil ainda nesta sexta-feira para investigar a morte do motociclista. O inquérito deve apurar se houve negligência por parte de algum dos condutores. O delegado reforça que a polícia precisa investigar sempre quando há morte em acidentes de trânsito.

Despedida 

Além de amigos e familiares, Gedson deixa esposa e o filho que vai completar quatro anos no próximo mês. Nas redes sociais, pessoas próximas a ele registram a dor da perda. 

- Meu coração está em pedaços. Por que você se foi? - escreveu Kauani Machado, prima de Gedson. 

Mesmo sabendo que um dia a vida acaba, a gente nunca está preparado para perder alguém.💔💔💔💔💔#LutoPorUmCompadre 😭😭😭😭😭😭

Publicado por Adilson Viviane em Quinta-feira, 15 de abril de 2021

Vítima foi arrastada por caminhão 

De acordo com a Polícia Militar, o motorista do caminhão relatou que transitava pela rua Max Wilhelm, no bairro Vila Baependi. Após escutar um barulho alto, o motorista pensou que se tratava de um pneu estourado.

Ao descer do veículo para verificar o que havia acontecido, ele percebeu que havia arrastado o motociclista. O condutor da moto sofreu diversos ferimentos. Ele não resistiu e morreu ainda no local.

Leia também:

> Morador de Garuva distribui origamis com mensagens gentis durante a pandemia

> Testes para Covid-19 vendidos em Joinville podem ter diferença de preço de até R$330

Colunistas