nsc
santa

Pandemia

Idosa morre por Covid-19 e duas filhas permanecem intubadas na UTI

Mulher de 86 anos ficou seis dias internada junto das filhas no hospital de Gaspar, no Vale do Itajaí, mas não resistiu

05/03/2021 - 10h25

Compartilhe

Jean
Por Jean Laurindo
Mãe (ao centro) e duas filhas ficaram internada na UTI do mesmo hospital; idosa morreu na quarta-feira e filhas seguem intubadas
Mãe (ao centro) e duas filhas ficaram internada na UTI do mesmo hospital; idosa morreu na quarta-feira e filhas seguem intubadas
(Foto: )

Uma idosa e duas filhas foram internadas com poucos dias de diferença depois de contraírem Covid-19 em Gaspar, no Vale do Itajaí. Elas permaneceram juntas e intubadas em leitos de UTI do Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. A mãe, Elisabeth Hostert, 86 anos, morreu na quarta-feira (3). As duas filhas, Margarete Lana, 53, e Maria Hostert, 49, continuam internadas lutando pela vida e sem saber da morte da mãe, de acordo com relato de familiares. As informações são do portal G1 SC.

> Ministro da Saúde visita Chapecó em meio a colapso causado pela Covid-19

Um dos filhos de Elisabeth e irmão das duas mulheres que seguem internadas, Bernardo Hostert, diz que os familiares estão tristes com a morte da matriarca, mas seguem esperançosos na recuperação das irmãs. E faz um alerta.

– Não pensem que não pode acontecer na sua casa, porque pode sim. Tenham cuidado, porque o vírus mata – afirma.

Luis Guilherme Lana, neto de Elisabeth e um dos filhos de Maria, diz que todos torcem para a recuperação das duas.

– Estamos com muita fé e rezando bastante para que ocorra tudo certo com elas. O que nos resta é rezar e ter muita fé nesta hora – afirmou à reportagem do portal G1 SC.

Apenas dois dias separaram a internação de cada uma das familiares. Margarete, que morava com a mãe, foi a primeira a ser internada, no dia 22 de fevereiro. Dois dias depois, no dia 24, foi a vez de Maria e, mais dois dias à frente, em 26 de fevereiro, a matriarca Elisabeth foi internada com complicações da Covid-19. No caso da idosa, a primeira dose de vacinação contra o novo coronavírus dela estava agendada para o dia seguinte à internação, 27 de fevereiro, mas não houve tempo.

– Minha mãe e minha tia fizeram o teste juntas e deu positivo. A mãe, no sétimo dia após o teste, começou a ficar sem ar. Levei ao hospital e no dia seguinte já foi entubada e está assim até hoje. Minha tia foi a mesma coisa, mas só foi entubada no sábado. Minha avó fez o teste, deu positivo. Estava tranquila, não sentia nada. Mas, de repente, foi para o hospital na sexta e no sábado foi entubada também – contou Luis Guilherme.

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Elisabeth deixa seis filhos e 13 netos

Mãe de seis filhos, Elisabeth Hostert deixa 13 netos e 12 bisnetos. De acordo com Bernardo, a mãe gostava de estar com a família reunida. Por conta da Covid-19, não houve velório. "Ela era uma pessoa guerreira, era muito parceira dos filhos. Uma pessoa sensacional", afirma Bernardo.

Segundo o boletim divulgado pelo governo de Santa Catarina na quinta-feira (4), Gaspar tem 5.834 casos de Covid-19 desde o início da pandemia, com 89 mortes. Em todo o Estado já houve 694.274 casos diagnosticados e 7.709 óbitos.

Leia também

Após flagrar paciente com Covid-19 na rua, profissional de saúde faz apelo em áudio

Secretário defende “vacina na economia” em caso de lockdown

> Internado com Covid-19, ex-candidato a prefeito de Blumenau desabafa: "Fui um idiota"

Colunistas