nsc
an

Pandemia

Joinville fecha janeiro como o mês com mais mortes por coronavírus

Cidade ultrapassou o maior número até então registrado em agosto de 2020. Foram 118 pessoas que perderam a vida no primeiro mês de 2021

01/02/2021 - 18h19 - Atualizada em: 03/02/2021 - 07h29

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Taxa de ocupação é de 94% dos leitos de UTI para adultos com Covid em Joinville
Taxa de ocupação é de 94% dos leitos de UTI para adultos com Covid em Joinville
(Foto: )

O ano começou registrando o número mais alto de mortes por coronavírus desde o início da pandemia em Joinville. De acordo com o governo do Estado, 118 pessoas perderam a vida só em janeiro de 2021 após contrair Covid-19. O mês que havia registrado o maior número de mortes havia sido agosto de 2020, com 110 óbitos.

 ​> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

Durante todos os dias do primeiro mês deste ano a cidade contabilizou mortes. Os maiores números de óbitos ocorridos em um mesmo dia foram em 6 e 22 de janeiro, com sete e oito falecimentos respectivamente. 

> Joinville fechou dezembro com o maior número de mortes por Covid-19 desde setembro

Para o secretário da Saúde da cidade, Jean Rodrigues, o aumento já era esperado em razão da alta de internações em UTI enfrentada pela cidade nas últimas semanas. 

- Infelizmente, já era um número esperado de mortes. Tivemos uma alta de internações hospitalares e, além disso, pela característica dos pacientes: geralmente idosos e com comorbidades. Então, infelizmente, já projetávamos isso - acrescenta Jean. 

Ele ainda reforça que o período de festividades, feriados e até mesmo das eleições 2020 trazem o reflexo no aumento de internações. 

> Joinville deve ter ampliação de cirurgias em março, diz secretário de saúde

- Estamos vivendo de feriadão em feriadão, de recesso em recesso. Sempre nestes períodos a gente tem picos de casos ativos que culminam no aumento de internações, geralmente 15 dias depois - explica. 

Com a aproximação do feriado de Carnaval, o alerta mais uma vez acende para o mês de março:

- Podemos enfrentar novo aumento em março dependendo de como será o comportamento da população durante fevereiro, no Carnaval - pontua. 

> “A Covid-19 fez os médicos valorizarem mais os sintomas do paciente”, diz pneumologista de Joinville

Até o momento, Joinville continua sendo a cidade de SC com mais mortes, 617 no total desde que a pandemia começou. Florianópolis é a segunda da lista, com 413. Além disso, a maior cidade de Santa Catarina também registra o maior número de casos positivos desde o início: 54.132 segundo o governo estadual. 

Alta ocupação das UTIs

Joinville tem, até a noite desta segunda-feira, 84 pessoas internadas em UTI em tratamento da Covid-19. Dessa forma, a cidade registra 94% de lotação. Até o fim da tarde desta segunda, a macrorregião Norte e Nordeste contava com 22 leitos disponíveis de UTI, segundo dados estaduais. Oito deles foram inaugurados nesta segunda no Hospital Bethesda de Joinville. Confira a lista de leitos de UTI ativos para pacientes com Covid-19 e que estão disponíveis na região: 

- Jaraguá do Sul: três leitos 

- Joinville: 12 leitos para adultos e cinco para crianças

- São Bento do Sul: um leito

- Mafra: um leito

Canoinhas e Porto União não possuem leitos disponíveis 

Leia mais

> Leitores do NSC Total contam as lições que aprenderam em 2020 com a pandemia

Colunistas