nsc
an

Atenção

Joinville tem novo modelo de cobrança da conta de água; veja o que muda

Valor mensal pode ser menor ou maior do que o anterior, a depender da faixa de consumo de cada morador

01/09/2021 - 19h49 - Atualizada em: 01/09/2021 - 21h15

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Estação de tratamento no Cubatão, em Joinville
Estação de tratamento no Cubatão, em Joinville
(Foto: )

Joinville tem um novo modelo para cobrança da conta de água a partir desta quarta-feira (1), com a adoção da tarifa básica operacional no lugar da tarifa mínima. Segundo a Companhia Águas de Joinville, o formato estimula o consumo consciente da população e cria valores mais adequados ao consumo de cada família.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Até então, a conta de água em Joinville era formada pela tarifa mínima de R$ 36,34 por até 10 m³, independentemente de quantos metros foram consumidos. Quando o consumo ultrapassava a quantidade mínima, havia cobrança adicional por metro consumido, com duas faixas de preços.

A partir de agora, no novo formato, o morador paga uma taxa fixa de R$ 26,24 e mais uma taxa variável, com base no volume de água consumido. São sete faixas de preços, que vão desde 1 m³ até mais do que 50 m³. Para quem consumir até 10 m³, por exemplo, o valor de cada metro cúbico será de R$ 1,12.

O valor aumenta na medida em que o consumo também for maior e ultrapassar as faixas de preços. A mesma dinâmica acontece para os outros tipos de consumidores, como comerciais e industriais.

Já para famílias beneficiárias da tarifa social a taxa de disponibilidade será de R$ 7,78, mais o consumo de R$ 0,34 por metro cúbico (até 10 m³). Atualmente, a tarifa mínima é de R$ 14,78

Nas regiões onde existe rede coletora de esgoto implantada, ainda há um adicional de 80% sobre a tarifa de água, assim como já acontecia no modelo antigo de cobrança.

Como era a cobrança anterior:

Modelo antigo de cobrança da conta de água em Joinville
Modelo antigo de cobrança da conta de água em Joinville
(Foto: )

Como é o novo modelo de cobrança:

Novo modelo de cobrança da conta de água em Joinville
Novo modelo de cobrança da conta de água em Joinville
(Foto: )

Valor da conta também poderá mudar

Na apresentação ao público sobre o novo modelo de cobrança da tarifa, a Águas de Joinville mostrou exemplos que como os moradores serão impactados pela mudança. No caso de quem consume menos do que 10 m³ por mês, a tendência é haver uma redução na conta, de acordo com a companhia.

O consumidor que tinha consumo de 6 m³ por mês, por exemplo, pagava uma tarifa mínima de R$ 36,34. No entanto, com o novo modelo vai pagar a taxa fixa de R$ 26,24 e mais R$ 1,12 por cada um dos 6 metros cúbicos. O total da conta, ao fim do mês, será de R$ 32,96, representando uma redução de 9,3% no valor.

Já aquele que tinha um consumo de 14 m³ no modelo antigo, por exemplo, pagava a tarifa mínima de R$ 36,34 e mais R$ 25,64 pelo excedente, totalizando uma conta de R$ 61,98 ao fim do mês. No novo formato, segundo a Águas de Joinville, o mesmo morador pagaria mais pelo consumo.

Isso porque ele teria a taxa fixa de R$ 26,24 e mais R$ 40,92 pela taxa variável, de acordo com o consumo. O resultado seria uma conta mensal de R$ 67,16, representando um aumento de 8,3%.

A diferença no preço da conta de água vai depender do consumo de cada morador. A Águas de Joinville defende que o modelo favorece quem economiza mais água, com um valor menor pelo serviço. Já aqueles que consumirem mais, também terão uma conta mais alta.

Leia também:

Novo decreto não é descartado, mas não está nos planos imediatos de Joinville

Abandono de cães pit bull cresce e chama a atenção em Joinville

Obras da cadeia feminina de Joinville têm novo adiamento e atraso já passa de cinco anos

Operação investiga fraudes em licitação e lavagem de dinheiro no Planalto Norte de SC

Hospital tem pico de atendimentos e moradores suspeitam de sujeira na água em Rio Negrinho

Colunistas