nsc
santa

ACHADA COM VIDA

Médica desaparecida é encontrada às margens da BR-470 no Alto Vale

Ela sofreu um acidente, estava ferida e passou mais de 24 horas à espera de socorro

19/04/2021 - 11h09 - Atualizada em: 20/04/2021 - 10h57

Compartilhe

Bianca
Por Bianca Bertoli
Mariana estava ferida, mas consciente
Mariana estava ferida, mas consciente
(Foto: )

A médica Mariana Fossati, 30, que desapareceu neste domingo (18) ao ir trabalhar, foi encontrada com vida às margens da BR-470, entre São Cristóvão do Sul e Pouso Redondo, no Alto Vale do Itajaí, na manhã desta segunda-feira (19). Ela sofreu um acidente de trânsito e estava caída em uma ribanceira.

> Médica desaparecida foi encontrada no Alto Vale por rastreio de celular, diz madrasta; veja vídeo

> Inscreva-se e receba notícias pelo WhatsApp do Vale do Itajaí

Conforme divulgado pela família nas redes sociais, Mariana saiu de Curitibanos com destino a Taió por logo após as 4h deste domingo. Como não chegou ao hospital para o plantão, a situação gerou preocupação entre familiares e conhecidos.

A Polícia Militar trabalhava para localizar Mariana. Neste domingo, pelas imagens de câmeras de monitoramento constatou que ela havia passado por um trevo por volta das 5h. O celular dela perdeu sinal em determinado trecho da rodovia. 

Uma viatura fez ronda e soube por populares, como um caminhoneiro, que marcas de frenagem foram vistas na altura do km 203, na chamada Serra dos Pires, no perímetro de São Cristóvão do Sul. Os policiais entraram na mata e encontraram o carro a cerca de 50 metros, em um local de difícil acesso. Mariana estava do lado de fora, machucada, mas consciente. 

A vítima apresentava sinais de desidratação, hematomas no rosto, pelve e costas. Aparentemente estava com a clavícula e tornozelo direito fraturados. Ela também reclamou de muita dor na região cervical e barriga.

> Profissionais de limpeza ganham protagonismo em hospitais de SC e reforçam linha de frente da Covid-19

Os bombeiros militares foram acionados pouco antes das 10h. A mulher foi levada ao hospital de Curitibanos.

Desviou de cachorro

Mariana teria contado aos policiais que se perdeu e saiu da pista por desviar de um cachorro. Muito ferida, não conseguiu subir o barranco para pedir ajuda.

O veículo foi removido por um guincho particular acionado pelos familiares.

Carro foi retirado por um guincho
Carro foi retirado por um guincho
(Foto: )

Correção

O texto informou que Mariana saiu de Curitibanos logo após as 4h da tarde. Na realidade, a saída aconteceu às 4h da manhã. Ou seja, a médica ficou mais de um dia na mata, esperando socorro. A notícia foi atualizada.

Leia também

Acidente interdita BR-101 em SC e causa congestionamento nesta segunda-feira

Identificado motociclista que morreu em acidente com carro em Blumenau

Festa clandestina com 150 pessoas é encerrada pela fiscalização em Balneário Camboriú

Aglomeração em bar termina com briga generalizada em Rio do Sul; veja vídeo

Colunistas