nsc
    dc

    Luto

    Morre o ex-narrador Celestino Valenzuela aos 92 anos no RS

    Conhecido pelo bordão “Que lance!”, o também ex-jogador ficou marcado na história do jornalismo

    16/10/2020 - 09h05 - Atualizada em: 16/10/2020 - 09h12

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação DC
    Celestino Valenzuela morre aos 92 anos
    Celestino Valenzuela morre aos 92 anos
    (Foto: )

    Celestino Valenzuela, ex-narrador esportivo no Rio Grande do Sul, morreu nesta quinta-feira (15) aos 92 anos no Hospital São Francisco da Santa Casa, em Porto Alegre. As informações são do G1.

    > Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

    Valenzuela teve um infarto em junho deste ano, no dia de seu aniversário, informou a família. No hospital, ele ficou internado por alguns meses e teve outras complicações. A morte teria sido de causas naturais.

    Nesta sexta-feira (16), o ex-narrador vai ser velado no Crematório Metropolitano, na Capital gaúcha. Apenas 10 pessoas por vez poderão entrar na capela devido à pandemia. A última cerimônia, às 16h, será restrita aos familiares.

    > Morre Zuza Homem de Mello, pesquisador da música brasileira, aos 87 anos

    Quem foi Celestino Valenzuela

    Celestino Valenzuela foi uma das principais figuras do jornalismo esportivo da história do RS e ficou conhecido pelo bordão “Que lance!”. Ele trabalhou em grandes conquistas da dupla Gre-Nal, como o Mundial de Clubes do Grêmio, em 1983, e o tricampeonato brasileiro do Inter, em 1979.

    > 60 anos de jornalismo do mito Roberto Alves

    O ex-narrador nunca revelou se torcia para o Tricolor ou para o Colorado. Dizia-se torcedor do clube de futebol Aimoré, de São Leopoldo.

    O profissional jogou futebol em um clube do Rio Grande do Sul. Porém, aos 27 anos, sofreu uma lesão e conheceu as maravilhas do jornalismo esportivo, de onde saiu apenas aposentado. 

    Valenzuela nasceu no ano de 1928 em Alegrete, trabalhou 19 anos na RBS TV e se aposentou aos 61 anos, em 1989.

    Leia também

    Postagem de Felipe Neto sobre Florianópolis repercute nas redes sociais

    Suspeito de matar mulher com corte no pescoço em Florianópolis é preso no RS

    Entenda o que está liberado e proibido em cada região de SC conforme o mapa de risco de coronavírus

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas