nsc
nsc

Melhorias

Obras do Anel de Contorno Viário em Gaspar avança e promete transformar a mobilidade urbana na região

O programa entrou em uma nova fase, com mais de 30 projetos e disponibilidade de investimento de cerca de R$ 200 milhões

25/06/2022 - 07h08 - Atualizada em: 27/06/2022 - 14h56

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Oito trechos vão fazer parte do Anel de Contorno Viário, interligando diversas vias e rodovias que passam pelo município
Oito trechos vão fazer parte do Anel de Contorno Viário, interligando diversas vias e rodovias que passam pelo município
(Foto: )

Com o avanço dos adensamentos populacionais nas cidades, melhorar o trânsito é um dos desafios das cidades, principalmente médias e grandes. Perder horas dentro do carro é sinônimo de perda da qualidade de vida – e tanto os moradores quanto os gestores municipais sabem disso. Por isso, alternativas que agilizem o andamento das obras, mas que auxiliem na entrega com qualidade, são cada vez mais priorizadas, entre elas as parcerias público-privadas.

> Com investimento de mais de R$ 200 milhões, município do Vale do Itajaí se destaca em qualidade de vida

De acordo com o Radar de Projetos PPP, a quantidade de projetos monitorados subiu de forma expressiva. Enquanto em 2019, eram 2254 no Brasil, o número passou para 3020 em 2021. Em 2016, eram apenas 825.

O programa entrou em uma nova fase, com mais de 30 projetos
O programa entrou em uma nova fase, com mais de 30 projetos
(Foto: )

Em Santa Catarina, o município de Gaspar utilizou os benefícios dessa alternativa para a construção de uma obra importante não só para o município, mas para toda a região do Vale do Itajaí: o Anel de Contorno Viário Urbano. O projeto está inserido no Programa Avança Gaspar e vem sendo desenvolvido pela Prefeitura, através da Secretaria de Planejamento Urbano e Territorial, desde 2017.

O objetivo é que o trânsito não se concentre no gargalo da região central da cidade, o que prejudica a mobilidade urbana da região. Além disso, a abertura de novas vias também proporciona o desenvolvimento econômico, com oportunidades para instalação de novas indústrias.

Impacto da obra na região

Ao todo, oito trechos vão fazer parte do Anel de Contorno Viário, interligando diversas vias e rodovias que passam pelo município. O primeiro interliga a Ponte do Vale com o início do trecho 2 , em paralelo à Avenida Francisco Mastella. O segundo vai da Avenida Francisco Mastella até a Avenida Frei Godofredo. O terceiro une a Avenida Frei Godofredo com a Rua São Bento.

O quarto Interliga a rua São Bento com a rua Rodolfo Vieira Pamplona. O quinto promove a ligação da rua Rodolfo Vieira Pamplona com a rua Frei Solano. O sexto vai da rua Frei Solano à rua Prefeito Leopoldo Schramm. O sétimo interliga a rua Prefeito Leopoldo Schramm com a rua Anfilóquio Nunes Pires e o oitavo une o trecho sete com a divisa do município de Blumenau.

Até o momento, segundo a prefeitura, foram entregues o trecho dois e parte do trecho quatro, com a ligação entre as ruas São Bento e Rodolfo Vieira Pamplona. Deste último, cerca de 70% da obra foi concluída – a parte que a iniciativa privada executou. Para o restante do trecho, ainda será necessário realizar a readequação do projeto, pois a análise do solo demonstrou que seria preciso ajustes para suporte. As obras desse trecho devem iniciar entre 30 e 40 dias, conforme informou a gestão municipal.

Juliano Chiesa, engenheiro civil e diretor da Edifika Terraplenagem, responsável pela obra por parte da iniciativa privada, conta que por meio da parceria, já foram entregues 1.100 metros até 2021. A obra de quatro pistas foi entregue ao município com custo zero e conta com canteiro central, ciclovia, calçadas, esgoto sanitário, água pluvial, drenagem urbana e iluminação pública.

— E agora teremos mais 350 metros sendo entregues neste mês de junho de 2022. Com isso podemos ver a rapidez das obras privadas e a qualidade entre e curto prazo para a comunidade.

Para os próximos passos, a prefeitura deve focar na ligação entre as ruas São Bento a Rodolfo Vieira Pamplona. A ordem de serviço já foi assinada e as obras devem iniciar em breve. Além disso, estão em fase de elaboração de projetos os trechos seis e sete, que serão executados na sequência.

No trecho que liga Gaspar Grande a Gasparinho, o recurso já está garantido, mas a sondagem do solo ainda deve ser feita, assim como a ligação do trecho maior, entre Gaspar Grande e Águas Negras.

> Na contramão de cortes em nível federal, prefeitura catarinense investe R$ 25 milhões em melhoria hospitalar

De acordo com a secretaria municipal de obras de Gaspar, o anel de contorno é uma obra aguardada pela população gasparense há anos e que finalmente está saindo do papel. Como requer abertura de novas vias, é de difícil execução. No entanto, graças ao dispositivo de lei que foi aprovado junto à Câmara de Vereadores, foi possível executar boa parte com parceria da iniciativa privada.

Infraestrutura em destaque

As obras do anel de contorno viário fazem parte do programa Avança Gaspar, que visa garantir melhorias em infraestrutura, mobilidade urbana, segurança e gerar oportunidade de crescimento em todas as regiões do município. Em três anos, mais de 70 km de ruas foram asfaltadas, além da conclusão de cerca de 120 obras de pavimentação, drenagem, calçamento e pontes. O programa entrou em uma nova fase, com mais de 30 projetos e uma disponibilidade de investimento de cerca de R$ 200 milhões.

Para a nova etapa do Avança Gaspar, diversas ruas serão contempladas com obras de revitalização, drenagem, pavimentação e requalificação, como as ruas Leonardo Pedro Schmitt, Vidal Flávio Dias, São Bento, João José Schmitt, Paulo José Roncaglio, Clara Schmitt, José Casas, Paulo Bailer e Cecília Eberhardt, Prefeito Leopoldo Schramm, entre outras.

Acompanhe o desenvolvimento de Gaspar! Saiba mais sobre as obras do Anel do Contorno Viário acessando www.gaspar.sc.gov.br/

Leia também

Município catarinense gerou 250% mais empregos em 2021, comparado ao ano anterior

Gaspar lança projeto especial de reforço à educação de alunos com autismo

Parque Náutico e Mirante Marco Zero são símbolos de uma nova Gaspar

Colunistas