nsc
santa

Prefeitura de Gaspar

Parque Náutico e Mirante Marco Zero são símbolos de uma nova Gaspar

A cidade de Gaspar, que já é conhecida como um polo têxtilde SC, aposta agora no turismo para diversificar a economia

28/09/2021 - 17h27 - Atualizada em: 30/09/2021 - 18h44

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Gaspar investe em lazer e ferramentas de turismo
Gaspar investe em lazer e ferramentas de turismo
(Foto: )

Gaspar sempre se notabilizou pela produção têxtil, já que muitas empresas do município se especializaram na confecção de roupas infantis. Com a necessidade de diversificar a economia local, há cinco anos a Prefeitura Municipal decidiu investir em um projeto que pudesse gerar mais oportunidades e mais empregos. Com projetos como a reformulação do sistema viário, os incentivos para a cadeia têxtil, o planejamento turístico e a construção dos novos equipamentos de lazer, Gaspar alcançou um novo patamar econômico e social no cenário de Santa Catarina.

Recriada em 2017, a Diretoria de Turismo de Gaspar passou a ser um instrumento importante para o desenvolvimento econômico local.

> Vale Europeu é referência em herança histórica e cultural

Em quase três anos de atuação, diversos trabalhos com foco em estruturação turística de município foram realizados e outros ainda estão em andamento, como a reconstituição do Conselho Municipal de Turismo, a ampliação do número de empresas no Cadastur (cadastro nacional do Ministério do Turismo), a redefinição de rotas turísticas a serem prioritariamente promovidas, a implantação do calendário de eventos e a repaginação do portal de turismo conforme padrão da Federação Catarinense dos Municípios (FECAM).

A Diretoria de Turismo também replanejou a ExpoGaspar, fazendo dela o principal evento anual, agrupando os demais eventos já consolidados ao longo dos anos. Outra ação importante foi a reestruturação do Natal de Gaspar, com a finalidade de transformá-lo em evento turístico, através da parceria com entidades, como ACIG e CDL, que possibilitaram a criação da Multifeira e também do Festival da Cerveja de Gaspar, importantes eventos que já fazem parte do calendário da cidade.

Por fim, os trabalhos de elaboração do Plano Municipal Territorial de Turismo do município, conforme preconizado pelo Ministério do Turismo, cujo plano tem como principal meta conscientizar e fazer a população entender sobre o que é o turismo e como é importante fortalecê-lo.

Investimento em lazer

Com uma grande área territorial e diversificada, Gaspar possui roteiros já consolidados, como a Rota Vila D’Italia, a Rota das Águas e, mais recentemente, integrando a Rota da Linguiça. Repleta de atrativos naturais, Gaspar tem um dos melhores parques aquáticos do país e um dos melhores hotéis-fazenda.

> De pesque-pague familiar a um dos maiores hotéis-fazenda resort do Brasil

Somente na Rota das Águas, os oito parques aquáticos e recantos naturais recebem cerca de 300 mil turistas por temporada. Para a administração de Gaspar, as cidades hoje são muito carentes de áreas públicas de lazer e de contemplação. Mas Gaspar teve o privilégio de receber um terreno que fica às margens do rio Itajaí-Açu para a construção do novo Parque Náutico, transformando aquele espaço em um local para práticas esportivas, lazer e prática de esportes náuticos, que também servirá de acesso para a Defesa Civil e Corpo de Bombeiros atuarem com segurança quando necessário.

Além desse projeto, o Mirante Marco Zero, que fica localizado na rua Coronel Aristiliano Ramos, no Centro da cidade, também está concluído e tem como objetivo principal a junção com a Praça Getúlio Vargas, também na regiãocentral de Gaspar. Ele foi construído em uma área de 365 metros quadrados e o recurso de R$ 461 mil aplicado na obra é proveniente de um convênio com o Ministério do Turismo por meio de uma emenda parlamentar.

A Prefeitura de Gaspar acredita que com todas as ações feitas nos últimos cinco anos, como a reformulação do sistema viário, os incentivos para a cadeia têxtil, o planejamento turístico e a construção dos novos equipamentos de lazer, a cidade alcançará um novo patamar econômico e social no estado de Santa Catarina.

Parque Náutico

O Parque Náutico deve oportunizar a vinda de eventos náuticos, já que está localizado às margens do rio. Outro é o Mirante Marco Zero, que deve ser palco de eventos culturais.

> Pós-pandemia: Turismo de SC aposta em temporada de verão com mais movimento

As obras da primeira fase do Parque Náutico, que faz parte do Programa Avança Gaspar, terão impacto direto no turismo e no desenvolvimento econômico local e já estão em andamento. O Parque, que está localizado próximo à Ponte do Vale, às margens da Rodovia Jorge Lacerda, terá área de aproximadamente 15 mil metros quadrados e tem grande potencial para se tornar um produto turístico.

O projeto prevê área de acesso ao rio, arquibancada, deck, projeto estrutural de estabilização de taludes, estrutura de apoio à navegação fluvial (atracadouro), edificação, projeto arquitetônico, projeto elétrico, projeto hidrossanitário, projeto de prevenção de incêndio e projeto de drenagem pluvial.

Confira o especial Vale de Transformações e conheça mais empresas e entidades que transformam o Vale do Itajaí.

Leia também

Chegada do calor aumenta a preocupação com a saúde dos olhos

Uma semana com eventos, tendências e novidades dos negócios em Santa Catarina

Setor de tecnologia passa por revolução no Vale do Itajaí

Colunistas