nsc
dc

Novo reajuste

Petrobras aumenta preço da gasolina e do gás de cozinha em 7,2%

O valor do óleo diesel não sofreu reajuste. Na semana passada, a estatal subiu o preço da refinaria em 8,9%

08/10/2021 - 15h42

Compartilhe

Folhapress
Por Folhapress
A Petrobras anuniou o reajuste nesta sexta-feira (8)
A Petrobras anuniou o reajuste nesta sexta-feira (8)
(Foto: )

A Petrobras anunciou o aumento nos preços da gasolina e do gás de cozinha nesta sexta-feira (8). O reajuste é de 7,2%. O preço do óleo diesel, no entanto, não sofreu alteração.

> Receba notícias de Florianópolis e região no seu WhatsApp

Segundo a estatal, o litro da gasolina vendida por suas refinarias passará de R$ 2,78 para R$ 2,98, um reajuste médio de R$ 0,20. Em nota, a empresa destacou que é o primeiro aumento em 58 dias.

Já o quilo do gás de cozinha passará de R$ 3,60 para R$ 3,86, alta de R$ 0,26. Assim, os 13 quilos necessários para encher um botijão custarão na refinaria o equivalente a R$ 50,15.

> Eventos em alusão à Oktoberfest em Blumenau e região resgatam clima da festa

O preço do gás de cozinha nas refinarias da estatal ficou 95 dias sem reajustes, embora as cotações internacionais tenham disparado com o aumento da demanda na Europa.

Os reajustes, de acordo com a estatal, "refletem parte da elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo, impactados pela oferta limitada frente ao crescimento da demanda mundial, e da taxa de câmbio, dado o fortalecimento do dólar em âmbito global".

> Tadeu Schmidt vai assumir comando do Big Brother Brasil 2022

> Festival de Teatro de Blumenau retorna em novo formato após dois anos

De acordo com a companhia, a variação dos preços é importante "para garantir que o mercado siga sendo suprido em bases econômicas e sem riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras".

Na semana passada, a estatal subiu o preço do diesel em 8,9%. 

Leia também

Gasolina a preço de custo será vendida em postos de Florianópolis

Procon de SC notifica sindicato sobre altas abusivas no preço do combustível

Vender osso de boi é permitido? Entenda o que diz a lei

Colunistas