nsc
santa

Pandemia

Quatro casas noturnas de Balneário Camboriú são interditadas por descumprir regras

Funcionamento de baladas está proibido na região que está classificada em nível gravíssimo para o coronavírus

10/01/2021 - 17h34 - Atualizada em: 11/01/2021 - 08h45

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
Cinco casas noturnas foram multadas em R$ 5 mil pelo descumprimento das regras
Cinco casas noturnas foram multadas em R$ 5 mil pelo descumprimento das regras
(Foto: )

Quatro casas noturnas foram interditadas entre a sexta-feira (8) e a madrugada deste domingo (10) em Balneário Camboriú. De acordo com regras estaduais, eventos do tipo estão proibidos na cidade em função do novo coronavírus. As informações são do G1 SC

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp, clique aqui e entre no grupo do Santa

A fiscalização multou ao todo cinco estabelecimentos, dos quais quatro também foram interditados. A multa estabelecida pela prefeitura é de R$ 5.025. O valor é dobrado em caso de reincidência, situação de dois dos locais. Outros seis espaços foram intimados a se adequarem.

Entre os estabelecimentos fechados, dois ficam na Barra Sul, um na Quarta Avenida e uma festa no bairro Nova Esperança. Em resposta ao G1, a prefeitura de Balneário informou que os locais apresentavam aglomerações e que não houve resistência por parte de proprietários ou clientes. 

> SC passa de 12 para 10 regiões em risco gravíssimo para coronavírus

Com a interdição, os locais precisam ficar fechados por um período mínimo de sete dias para se adequarem às novas regras. A fiscalização no município é feita pela Vigilância Sanitária e Guarda Municipal.

Segundo as regras estaduais para o combate ao coronavírus, o funcionamento de casas noturnas é proibido em regiões em nível gravíssimo no mapa de risco. A Foz do Rio Itajaí, onde fica Balneário, está nesta categoria. Nos demais níveis há possibilidade de funcionamento com limites de ocupação.

Leia mais:

Com vacina da Covid-19, está na hora de deixar de lado ivermectina e cloroquina, diz cientista

Coronavírus já fez mais de 5,6 mil vítimas em SC; casos ativos aumentam

Japão detecta nova variante de coronavírus em viajantes do Brasil

Colunistas