A alimentação é um fator importante para o controle e prevenção da pressão alta. Além do sal em excesso, o alto teor de gordura presente em alguns pratos também é nocivo à saúde e pode contribuir para a hipertensão. 

Continua depois da publicidade

Clique aqui e receba notícias no WhatsApp

Por isso, além do acompanhamento com um nutricionista para uma alimentação balanceada e saudável, é importante substituir alimentos industrializados pelos naturais, consumir frutas, verduras e beber bastante água. Essas são atitudes que também beneficiam a saúde de uma forma geral. 

Evite o consumo destes alimentos  

Segundo a nutricionista Natália Colombo, para uma alimentação saudável, é importante evitar alimentos industrializados (bolachas, salgadinhos, doces etc.). Essas opções são ricas em aditivos, gordura saturada, sódio e pobres em nutrientes, ou seja, não oferecem nenhum benefício ao organismo. 

Continua depois da publicidade

Alimentos contra a pressão alta  

Alguns alimentos também funcionam como uma proteção, visto que determinadas substâncias são benéficas ao organismo e auxiliam no combate às doenças e ajudam a regular o funcionamento do corpo. 

Por isso, Natália Colombo lista com alguns dos alimentos aliados no combate ao aumento da pressão arterial

1. Linhaça, sementes de chia e peixes de água fria (sardinha e salmão) 

Fontes de ácidos graxos insaturados e ômega 3, podem reduzir a pressão arterial. 

Continua depois da publicidade

2. Proteína vegetal 

Os alimentos que fazem parte deste grupo auxiliam na manutenção da pressão arterial. Pobres em gordura, isentas de colesterol e ricas em fibras, as fontes de proteína vegetal aumentam significativamente a longevidade e a qualidade de vida. Está em feijões, soja, quinoa, lentilha, ervilha, grão-de-bico e outros. 

3. Oleaginosas 

Possuem arginina, que aumenta a produção de óxido nítrico, substância que atua na dilatação dos vasos sanguíneos. Promovem diversos benefícios quando aliadas a um plano alimentar saudável. Alguns exemplos de oleaginosas são castanha-do-pará, pistache, nozes, entre outras.

Pote marrom com mirtilos, morangos e framboesas
As frutas vermelhas ajudam a baixar a pressão (Imagem: Billion Photos | Shutterstock)

4. Frutas vermelhas 

Esses alimentos possuem flavonoides, substância que relaxa os vasos sanguíneos, baixando a pressão. Morango, melancia, cereja, framboesa e amora são alguns exemplos. 

Continua depois da publicidade

5. Alho e cebola 

Esses alimentos são compostos sulfurosos que auxiliam na dilatação dos vasos sanguíneos e ajudam a reduzir tanto a pressão diastólica quanto a sistólica, conforme algumas evidências clínicas. 

Vale salientar que o acompanhamento médico e as consultas regulares com um nutricionista são importantes para garantir um esquema alimentar ideal para pacientes hipertensos, pessoas com histórico familiar da enfermidade ou para aqueles que desejam prevenir o problema. 

Leia também

4 atitudes que ajudam a prevenir e tratar o estresse

11 alimentos que contribuem para o funcionamento dos rins

Benefícios da atividade física contra o colesterol alto

Destaques do NSC Total