nsc
dc

Balanço

Santa Catarina registra 40 novas mortes e 19 mil casos ativos de coronavírus

Número de pessoas em tratamento contra a covid-19 é o maior da pandemia toda

17/11/2020 - 20h37 - Atualizada em: 17/11/2020 - 21h12

Compartilhe

Cristian Edel
Por Cristian Edel Weiss
Estado passou da marca de 300 mil casos confirmados desde o início da pandemia, chegando a 302.578
Estado passou da marca de 300 mil casos confirmados desde o início da pandemia, chegando a 302.578
(Foto: )

Santa Catarina registrou nesta terça-feira, 17, 40 novas mortes causadas pela covid-19 e atingiu o número mais elevado de casos ativos de coronavírus de toda a pandemia. São 19.164 pacientes em tratamento contra a doença e, portanto, capazes de transmitir o vírus. O Estado passou da marca de 300 mil casos confirmados desde o início da pandemia, chegando a 302.578, dos quais 280.044 estão recuperados. 

> Painel do Coronavírus: saiba como foi o avanço da pandemia em SC

Conforme levantamento da reportagem do Diário Catarinense, as novas mortes confirmadas pelo Estado nesta terça-feira ocorreram entre os dias 5 de outubro e 17 de novembro em 25 cidades (veja o detalhamento dos casos abaixo). Das 40 mortes, 14 são da Grande Florianópolis e 10 do Vale do Itajaí, as regiões mais afetadas por novos casos nas últimas semanas.

Novas mortes confirmadas nesta terça-feira

Grande Florianópolis

14/11: Masculino, 54, Florianópolis

31/10: Feminino, 82, Florianópolis

13/11: Masculino, 85, Florianópolis

17/11: Masculino, 85, Florianópolis

15/11: Masculino, 90, Florianópolis

13/11: Masculino, 94, Florianópolis

02/11: Masculino, 72, Governador Celso Ramos

05/10: Feminino, 81, Palhoça

10/11: Masculino, 83, Palhoça

15/11: Masculino, 76, Santo Amaro da Imperatriz

13/11: Masculino, 66, São José

14/11: Masculino, 72, São José

16/11: Masculino, 74, São José

13/11: Masculino, 61, Tijucas

Norte

14/11: Masculino, 70, Timbó Grande

15/11: Masculino, 75, Guaramirim

15/11: Feminino, 76, Jaraguá do Sul

16/11: Masculino, 82, Joinville

14/11: Masculino, 82, São Francisco do Sul

Oeste

15/11: Masculino, 89, Chapecó

16/11: Masculino, 87, Palmitos

15/11: Masculino, 62, São Carlos

02/11: Masculino, 51, Monte Carlo

15/11: Feminino, 71, Videira

Serra

14/11: Masculino, 52, Lages

17/11: Feminino, 68, Lages

13/11: Masculino, 87, Lages

Sul

15/11: Feminino, 88, Cocal do Sul

16/11: Feminino, 73, Tubarão

16/11: Masculino, 85, Tubarão

Vale do Itajaí

16/11: Masculino, 83, Blumenau

16/11: Masculino, 80, Gaspar

16/11: Feminino, 74, Indaial

15/11: Masculino, 67, Camboriú

16/11: Feminino, 81, Camboriú

15/11: Masculino, 69, Itajaí

16/11: Masculino, 72, Itajaí

13/11: Masculino, 93, Itajaí

08/11: Feminino, 35, Itapema

12/11: Masculino, 78, Itapema

Cidades com mais casos ativos

Florianópolis segue como a cidade com mais pacientes em tratamento contra a covid-19, segundo a Secretaria de Estado da Saúde. São 2.239 pessoas nessa condição. Em seguida estão Blumenau (1.594), Criciúma (1.029), Joinville (852), Lages (816), Palhoça (714), Jaraguá do Sul (665), Balneário Camboriú (628), São José (602) e Brusque (565). A região mais afetada no conjunto é o Vale do Itajaí, com mais de 5,6 mil casos ativos. A Grande Florianópolis tem 4,1 mil.

Ocupação de UTIs do SUS é a mais alta desde 17 de agosto

Há 474 pacientes internados em unidades de terapia intensiva (UTI) em hospitais públicos e privados de Santa Catarina já diagnosticados com covid-19 ou suspeitos aguardando resultados. O índice médio de ocupação geral das UTIs do Sistema Único de Saúde no Estado é de 76,4%, o maior desde 17 de agosto e segue em tendência de alta.

As taxas mais altas de ocupação estão em hospitais do Oeste (83,6%), Sul (81,1%), Grande Florianópolis (77,6%) e Planalto Norte (76,2%).

Leia também:

> Joinville descarta multa da máscara; uso continua obrigatório

Auxílio emergencial: veja o calendário de pagamentos de novembro e dezembro para o Bolsa Família

Após testar positivo para coronavírus, Daniela Reinehr faz exames em hospital

Para conter coronavírus Brasil prorroga restrição de entrada de estrangeiros por via terrestre

Nova aceleração do coronavírus em Blumenau motiva reabertura do ambulatório da Vila Germânica

Colunistas