nsc
    dc

    Bebida

    Saiba qual o tipo de taça ideal para cada vinho

    Escolher corretamente o modelo da taça é importante para aproveitar por completo o sabor e aroma da bebida

    06/08/2020 - 11h01

    Compartilhe

    Por Ângela Prestes
    Por Ben Ami Scopinho
    Cada vinho requer um tipo de taça diferente para que a bebida seja apreciada de forma adequada
    Cada vinho requer um tipo de taça diferente para que a bebida seja apreciada de forma adequada
    (Foto: )

    Cada variedade de vinho requer um modelo de taça diferente. Pode parecer exagero, mas o formato influencia na degustação da bebida. O aumento no consumo de vinho durante a quarentena pelo coronavírus trouxe novos consumidores e, com eles, algumas dúvidas sobre a melhor forma de aproveitar a bebida. A altura, a largura do bojo e até mesmo o formato da borda muda a forma com que o aroma, a temperatura e o gosto do vinho é sentido. 

    > Curioso para saber como o vinho é produzido? Entenda as etapas de produção em um infográfico

    São vários modelos de taça e cada um permite que o vinho tenha contato com diferentes regiões da boca, suavizando ou acentuando sabores. Mas não é necessário ter todos eles em casa. No infográfico abaixo, o enólogo Eduardo Strechar aponta os principais modelos e explica qual o tipo de taça ideal para cada vinho. 

    Confira como escolher a taça ideal para cada tipo de vinho

    AS TAÇAS
    Para cada vinho há uma taça apropriada, permitindo que a bebida tenha contato com áreas diferentes da boca e interferindo no sabor. Além disso, o formato permite melhor aproveitamento do corpo da bebida, do aroma e da manutenção da temperatura.
    TINTO
    Bojo largo e haste longa.
    A variação do tamanho das bocas visa explorar as possibilidades dos delicados aromas, reforçando ou não o sabor deste tipo de vinho.
    BRANCO OU ROSÉ
    Bojo pequeno e haste longa.
    Estes vinhos precisam ser consumidos em temperaturas mais baixas, e a menor proporção da taça auxilia neste aspecto, além de também realçar o aroma das frutas.
    ESPUMANTE
    Bojo comprido e haste longa.
    Preserva a temperatura e mantém as bolhas por mais tempo.
    VINHO DOCE
    Bojo pequeno e haste curta.
    Seu tamanho pequeno enfatiza a necessidade de não ingerir estes vinhos em grandes quantidades, valorizando o paladar mais adocicado.
    INFOGRAFIA: Ben Ami Scopinho, NSC Total
    FONTE: EDUARDO STRECHAR, ENÓLOGO
    DA VINHEDOS DO MONTE AGUDO, SC

    Leia também:

    > Por que existem diferentes tipos de garrafa de vinho?

    > Saiba como harmonizar chocolate e vinho

    > Descubra quais são os benefícios da cerveja na saúde

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas