nsc

Mobilidade

Transporte marítimo da Grande Florianópolis terá tarifa de R$ 6,50, aponta estudo

Previsão é de que edital para serviço seja lançado em 2022 e operação comece em 2024

18/03/2021 - 09h52 - Atualizada em: 18/03/2021 - 10h01

Compartilhe

Juliana
Por Juliana Gomes
Viagem experimental em março de 2018 trouxe otimismo, mas...
Viagem experimental em março de 2018 trouxe otimismo, mas...
(Foto: )

A primeira etapa do estudo da viabilidade do transporte marítimo da Grande Florianópolis, apresentada nessa quarta-feira (17), apontou que a tarifa do serviço poderá custar R$ 6,50. A previsão inicial do governo do Estado é que o edital para implantação do transporte marítimo seja lançado em 2022 e a operação comece em 2024.

> Receba notícias de Florianópolis e região no seu WhatsApp

O estudo de viabilidade é fruto de um termo de cooperação técnica firmado pelo governo de Santa Catarina com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os resultados foram apresentados, segundo a secretaria de Estado de Infraestrutura, nessa quarta, para representantes das prefeituras de Florianópolis, Biguaçu e Palhoça, além de órgãos municipais, federais e entidades relacionadas ao transporte aquaviário.

> Cinco rotas de transporte marítimo estão em estudo na Grande Florianópolis

> Transporte marítimo da Grande Florianópolis terá embarcação para 960 passageiros

O secretário de Infraestrutura Thiago Vieira entende que a acessibilidade do valor da tarifa permite a implantação do projeto, segundo divulgação do governo.

Se não houver imprevistos, o edital para a implementação no novo modal deve ser lançado em 2022 e a operação deve ocorrer em 2024, de acordo com a secretaria de infraestrutura.

Como divulgou o colunista Renato Igor, serão cinco rotas, que serão implementadas em etapas, com dois tipos de embarcações: ferryboat e para passageiros. A rota entre Florianópolis e São José, por exemplo, teria embarcação para 960 lugares.

Leia mais:

> Aulas presenciais serão retomadas em São José após decisão da Justiça

> Restrições nos fins de semana devem ser reduzidas, diz governador de SC

> Vídeo: animação mostra a evolução por Estado dos casos de coronavírus em 1 ano de pandemia

Colunistas