nsc
an

Educação

Universidades e faculdades de Joinville começam a definir datas para volta às aulas presenciais

Governo de Santa Catarina autorizou aulas presenciais sob regras na última segunda-feira

30/06/2020 - 15h45 - Atualizada em: 30/06/2020 - 15h54

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Univille
(Foto: )

Universidades públicas e privadas de Joinville se preparam para receber os alunos durante a retomada das atividades presenciais. Isso porque as aulas presenciais em universidades de Santa Catarina foram autorizadas na última segunda-feira (29) a partir da portaria publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).   

Painel do Coronavírus: veja dados atualizados das cidades de Santa Catarina

A suspensão das atividades presenciais aconteceu em março. De acordo com o divulgado pelo governo catarinense, podem retonar às atividades presenciais as instituições que tiveram estrutura para manter o distanciamento de 1,5 metro entre todos os frequentadores do ambiente. Em caso de impossibilidade deste distanciamento e o estabelecimento optar por retomar as atividades, devem ser adotados procedimentos de forma a se adequar a esta regra, "contemplando a possibilidade de reduzir o número de estudantes por turma, bem como intercalar turmas em dias distintos, entre outros", segundo a portaria.

As aulas presenciais da educação infantil, fundamental, nível médio, de jovens e adultos (EJA) e ensino técnico das redes pública e privada permanecerão suspensas até 2 de agosto, de acordo com o decreto. Nestes casos, o documento estadual não prevê a possibilidade de antecipar o retorno.

> Retomada de aulas presenciais nas escolas de SC pode ser dividida em grupos

Confira como será o retorno nas unidades de Joinville:

ACE/Faculdade Guilherme Guimbala

Retorno presencial será gradual e está previsto para o dia 3 de agosto, quando inicia oficialmente o segundo semestre. Os alunos terão recesso em julho. A Faculdade foi a primeira de Joinville a dispensar a presença dos alunos assim que a pandemia iniciou, mas deu contiuidade às atividades por meio de plataformas digitais. A ACE informa que, em conjunto com o comitê resposnável pelas definicções dos critérios, irá disponibilizar um manual aos estudantes com todas as orientações. Será dada prefêrencia de retorno presencial aos alunos dos últimos anos, em razão da carga horária e também dos cursos da área da saúde que demandam atendimento ao público.  

A Faculdade Guilherme Guimbala nomeou um grupo estratégico emergencial para planejar o retorno gradativo às atividades presenciais, assim como monitorar e cumprir as regras de segurança e saúde. Entre as ações desenvolvidas, o grupo elaborou o Manual de Procedimentos Sanitários para o retorno seguro das atividades de forma gradativa.

Católica

A Católica SC deve iniciar em agosto a segunda fase da retomada das atividades presenciais. Com a previsão de retorno dos acadêmicos para o segundo semestre do ano letivo após as férias, os alunos terão a opção de acompanhar os conteúdos de forma on-line, transmitidos diretamente das salas em tempo real, ou assistir presencialmente. Para que isso fosse possível, diversos investimentos em protocolos de biossegurança foram feitos conforme determinação de órgãos competentes, com destaque para a atomização feita por equipamento adquirido, por meio do qual os ambientes de sala de aula serão sanitizados diariamente.

Ielusc

A previsão de retorno das aulas presenciais na Faculdade Ielusc é dia 20 de julho. 

As atividades acadêmicas serão trabalhadas de forma presencial e, para aqueles pertencentes ao grupo de risco, ou que se sentirem inseguros, a modalidade remota será possível, com transmissão simultânea das aulas. Para tanto, a faculdade está realizando investimentos em equipamentos e tecnologia. Os detalhes foram divulgados em cartilha

Sustentare

A Sustentare Escola de Negócios entrou em contato com a Prefeitura de Joinville para obter mais orientações com relação à retomada das atividades presenciais na instituição. Tão logo tenham as devidas informações de algumas interpretações dos ajustes de procedimentos, será possível retomar as aulas presenciais. O Comitê de Prevenção da instituição, organizada para tratar do tema Covid 19, está trabalhando para providenciar adequações necessárias para que todas as medidas solicitadas pela portaria sejam atendidas (como por exemplo a aquisição de equipamentos para aferir a temperatura dos alunos). A universidade informa, ainda, que está realizando uma pesquisa com alunos e professores, e a intenção da Sustentare é continuar oferecendo módulos na modalidade on learning (com aulas ao vivo online) ou blended (presencial e online), para atender aos alunos e professores que, por questão de segurança e comodidade, prefiram essas modalidades. 

Udesc

A Udesc seguirá priorizando no momento o ensino remoto, por meio das plataformas digitais, que tiveram os trabalhos retomados em 22 de junho nos 60 cursos de graduação e, em maio, nos 50 cursos de pós-graduação. A Administração Central ressalta que qualquer possibilidade de retorno presencial das atividades na universidade será feita de forma gradativa e também após avaliação conjunta com diretores gerais e assistentes de cada unidade em Santa Catarina, já que a instituição é multicampi, ou seja, está presente em várias regiões do Estado.

UFSC

A unidade da Universidade Federal de Santa Catarina localizada em Joinville informou que não retomará o ensino de forma presencial durante o ano de 2020, enquanto não houver condições sanitárias e epidemiológicas que garantam a segurança de sua comunidade universitária.A autonomia universitária, garantida pela Constituição, além da Portaria do Ministério da Educação (Portaria nº 544/2020) e dos estudos que a nossa comunidade científica vem fazendo nos levará a priorizar o ensino não presencial, que deverá ser regulamentado na UFSC após a decisão do Conselho Universitário agendada para o próximo dia 17 de julho.

Qualquer retomada presencial será feita de forma gradual, cautelosa e respeitosa. Não voltaremos antes da disponibilidade de uma vacina ou medicamento eficaz e disponível a todos. Somos mais de 40 mil pessoas na UFSC, uma população que certamente causaria um grande impacto nos sistemas de saúde pública se retomasse o ensino presencial sem as devidas indicações epidemiológicas. Portanto, não há uma data prevista para o retorno presencial.

Univille

A Univille continua com as aulas remotas e também trabalha na construção de um plano de retomada gradual das atividades práticas, atividades de laboratório e estágios presenciais. A universidade está preparando a retomada por fases, observando os aspectos pedagógicos e os protocolos de biossegurança. No momento, ainda não há data para a retomada das aulas presenciais, assim como as aulas práticas em laboratório e estágios obrigatórios.

​> Receba notícias de Joinville e da região Norte de SC por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do AN

Colunistas