nsc
hora_de_sc

Loteria

Vencedor da Mega da Virada que não resgatou prêmio deve ser procurado pela Caixa, defendem advogados

Ação alega que Caixa desrespeita os direitos do consumidor ao não localizar o apostador

02/04/2021 - 13h17 - Atualizada em: 02/04/2021 - 13h19

Compartilhe

Metrópoles
Por Metrópoles
Mega-Sena
Advogados pedem à Justiça que Caixa notifique vencedor da Mega-Sena
(Foto: )

Dois advogados da Bahia protocolaram uma ação popular na Justiça Federal de São Paulo em que pedem que a Caixa Econômica Federal respeite o Código de Defesa do Consumidor e notifique o vencedor da Mega da Virada que não foi buscar o prêmio.

> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

A data limite para saque dos R$ 162 milhões foi quarta-feira (31/3). Como o vencedor não foi buscar o dinheiro, a Caixa informou que fará o repasse para o Fundo de Financiamento do Ensino Superior (FIES).

A ação também pede a suspensão dessa transferência. Ao Metrópoles, o advogado Cleiton Confessor afirmou que o banco está desrespeitando o Código de Defesa do Consumidor ao violar o princípio da lealdade e não observar a boa fé. Ele destaca que a própria Caixa reconhece que o bilhete premiado foi pago com cartão de crédito, por meio online. “Ela tem como identificar o vencedor”, enfatiza.

Leia mais no Metrópoles, parceiro do NSC Total.

*Por Grasielle Castro

Leia mais:

> Mega-Sena: veja por onde a sorte andou em Santa Catarina em 2020

> Furacão em Santa Catarina? Entenda a previsão do tempo

> Afinal, o que aconteceu na Sexta-feira Santa? Entenda o que significa a data

> Novo auxílio emergencial: veja o calendário de pagamentos em 2021

> Novo decreto em SC: Carmen Zanotto se reúne sábado com grupo que define restrições

Colunistas