O bloqueio empenhado por bolsonaristas no Km 215 da BR-101, em Palhoça, foi desmontado pela tropa de choque da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) na manhã desta quarta-feira (2). A ação ocorreu por volta das 6h40min em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que atua para manter o tráfego liberado.

Continua depois da publicidade

Receba notícias do DC via Telegram

A interdição ocorria desde a noite de domingo (30), organizada por bolsonaristas descontentes com a vitória de Lula (PT) no segundo turno das eleições de 2022. Antes da ação da PMSC, os manifestantes pediam, segundo a PRF, um novo pleito para poderem desmontar o bloqueio, o que é um pedido inconstitucional e antidemocrático.

O reforço da PMSC foi viabilizado por decisões da Justiça. Na segunda (31), a PRF solicitou à Advocacia-Geral da União (AGU) que buscasse expedição de mandado judicial para isso. O governo catarinense também havia ido ao Judiciário.

Além disso, ainda na noite de segunda, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), já havia determinado que a PRF e as polícias militares dos Estados, visto que os bloqueios se estendem a outras partes do país, tomassem ações imediatas para liberar as vias interditadas. A Corte ainda formou maioria na manhã de terça (1º) para referendar a decisão do ministro.

Continua depois da publicidade

O bloqueio em Palhoça ocupava tanto as pistas principais quantos as vias marginais e também interrompia a conexão com a BR-282, que dá acesso à região serrana. As filas de congestionamento chegaram a se alongar por três quilômetros nos últimos dias.

Alguns carros chegaram a circular na contramão para tentarem escapar do bloqueio. A interdição também causou transtornos nos bairros Bela Vista e Aririú, de veículos que buscavam as vias internas do município para conseguirem trafegar.

Veja vídeo da atuação da PM para desmontar bloqueio

Leia mais

Bloqueios em SC chegam ao 3º dia com reforço policial nas rodovias; veja lista

Interdições levantam suspeitas sobre falha na preparação e uso político da PRF

Destaques do NSC Total