nsc
nsc

Política

Em SC, Bolsonaro tem agenda vazia: quer descansar e reforçar 'imagem popular'

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
27/12/2021 - 15h42 - Atualizada em: 27/12/2021 - 16h29
Presidente Jair Bolsonaro cumprimenta apoiadores no Aeroporto de Navegantes
Presidente Jair Bolsonaro cumprimenta apoiadores no Aeroporto de Navegantes (Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) não incluiu agenda política na programação de férias em São Francisco do Sul – diferente do que fez em outras passagens pelo Forte Marechal Luz, quando recebeu empresários e políticos locais. Também não há compromissos oficiais na agenda pelos próximos dias, o que ele poderia fazer já que não se licenciou do cargo. Oficialmente, o presidente da República não tem direito a férias no Brasil.

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Lista de afazeres não faltam. Bolsonaro viajou sem ter sancionado a lei que prorroga por mais dois anos a desoneração da folha de pagamento para 17 setores da economia, como informou o Estadão. A medida, considerada fundamental para manutenção de empregos, vence no dia 31. Também houve cobranças ao presidente por ter saído em recesso sem fazer um gesto à Bahia, que passa por uma terrível enchente. O governo enviou dois ministros, mas interlocutores cobraram presença do presidente e um sinal mais eloquente de solidariedade.

Bolsonaro chega a SC para recesso de fim do ano

Bolsonaro viajou a SC acompanhado da primeira-dama Michele, que trouxe familiares. Desta vez, o presidente dispensou a companhia de ministros e secretários. Também não repetirá visitas como fez à casa do deputado federal Coronel Armando (PSL), em Joinville, em dezembro do ano passado. O roteiro das férias, mais intimista e privado, teria sido um pedido de Michele.

Bolsonaro escolhe praia de SC para virada e vai receber pedido para BR-280

O presidente, no entanto, não abrirá mão de confraternizar com os apoiadores. Logo na chegada a SC, saiu em frente à fachada do Aeroporto de Navegantes para cumprimentar pessoas que o esperavam no lado de fora. O aceno deve se repetir ao longo dos próximos dias, a exemplo dos passeios feitos pelo presidente em Guarujá, no Litoral de São Paulo, poucos dias atrás.

Em campanha, Bolsonaro aproveita as férias para gerar imagens de líder popular e contrapor as pesquisas que indicam que as intenções de voto murcharam em relação a 2018. Santa Catarina é um dos estados onde o bolsonarismo continua forte, e isso ajuda o presidente em sua construção midiática.

A agenda vazia de compromissos oficiais, no entanto, mostra que não se pode esperar da vinda de Bolsonaro a SC mais do que pesca, sombra e água fresca.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais

Prefeitos avaliam negociar vacinas para crianças com a Pfizer

Caravelas-portuguesas invadem Litoral Norte de SC; espécie é mais perigosa que água-viva

Quanto custa alugar um apartamento de luxo em Balneário Camboriú no verão

Efeitos colaterais da terceira dose da Pfizer; veja reações mais relatadas

Por que o alargamento da praia em Balneário Camboriú atraiu tubarões

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas