nsc
nsc

Política

Aproximação de Kassab e Lula causa estardalhaço no PSD em SC

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
09/02/2022 - 18h33
Gilberto Kassab, presidente do PSD
Gilberto Kassab, presidente do PSD (Foto: Divulgação)

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, admitiu nesta quarta-feira (9) que “não pode dizer que é impossível” que o partido esteja com o ex-presidente Lula (PT) já no primeiro turno das eleições. A fala, registrada nos principais jornais do país, ocorre após um encontro entre os dois, na última segunda-feira (7), e teve reação explosiva no PSD em Santa Catarina.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

O falatório interno levou o deputado Milton Hobus, presidente estadual da sigla, a gravar uma mensagem aos correligionários para tentar acalmar os ânimos. Em vídeo, ele fez referência a uma conversa anterior com Kassab - e contrariou a afirmação que ele havia feito à imprensa.

- Em hipótese alguma nós do PSD vamos estar apoiando o PT. Semana passada tive um comprometimento formal do Kassab dizendo que a prioridade do partido é ter candidatura. Em hipótese alguma o PSD nacional estará coligado com o PT no primeiro turno.

Fake news baixa procura pela dose de reforço em SC enquanto Estado prevê alta em internações

Hobus pontuou que, em Santa Catarina, o PSD estará afastado dos petistas.

- Nós todos sabemos, somos anti-PT. O PT fez muito mal para o Brasil, por isso vamos seguir o nosso caminho.

O apoio do PSD nacional a Lula, que é dado como certo no segundo turno e provável já no primeiro turno das eleições, é um problema para a executiva do partido em Santa Catarina, onde a parceria enfrenta resistência.

"Liberados"

A linha de atuação de Kassab à frente do PSD leva a crer que o partido não deve impor apoio às executivas estaduais, caso a decisão seja de fato por caminhar junto com o PT. É nisso que aposta, por exemplo, João Rodrigues. Bolsonarista, o prefeito de Chapecó, que voltou a ter o nome cotado para disputar o Governo do Estado, pretende apoiar o projeto de reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL).

- 90% dos prefeitos do PSD de SC, a bancada federal e estadual, ninguém aceita essa aproximação e apoio (a Lula). Se houver, vamos conversar e vamos estar liberados – acredita.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais

SC tem 4 das 10 cidades mais caras do Brasil para comprar imóvel​

Quanto custa alugar um apartamento de luxo em Balneário Camboriú no verão

Balneário Camboriú tem "disputa" de Cristiano Ronaldo e xeiques árabes por cobertura de R$ 50 milhões

Maior prédio da América do Sul em Balneário Camboriú ganha revestimento de iate de luxo

Por que o alargamento da praia em Balneário Camboriú atraiu tubarões

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas