nsc
nsc

Pandemia

Cantor que foi para UTI com Covid-19 faz show com aglomeração em casamento em SC

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
13/03/2021 - 18h27 - Atualizada em: 13/03/2021 - 18h49
Cauan ficou internado na UTI com Covid-19
Cauan ficou internado na UTI com Covid-19 (Foto: Reprodução)

A dupla sertaneja Cleber e Cauan se apresentou em um casamento numa casa de festas de Balneário Camboriú nesta sexta-feira (13). Imagens divulgadas nas redes sociais mostram aglomeração e falta de cuidados mínimos, como o uso de máscaras, durante o evento. Cauan teve Covid-19 no ano passado e precisou ser internado em UTI.

O cantor ficou em estado grave, e teve 75% do pulmão comprometido. Ele se recuperou em um hospital de Goiânia (GO). 

> SC tem todas as regiões em risco gravíssimo para coronavírus pela terceira semana seguida

Em nota, a dupla informou que havia sido contratada para o casamento há mais de um ano, e afirmou que o evento foi autorizado “expressamente” pelo decreto de restrições vigente no Estado. “O evento contou com fiscalização das autoridades competentes de forma presencial, e o mesmo foi autorizado”. No texto, os cantores pedem desculpas por “contribuir para os momentos de aglomeração”.

> Painel do Coronavírus: saiba como foi o avanço da pandemia em SC

O casamento ocorreu numa casa de festas na Praia do Estaleirinho e começou à tarde. Fontes ouvidas pela coluna apontaram que havia mais de 100 pessoas no local. A aglomeração chamou atenção dos vizinhos, que acionaram a fiscalização.

​Lockdown de fim de semana não aumentou isolamento em SC e é criticado por especialistas

A Polícia Militar registrou que esteve na casa de festas às 19h30min e não foi constatada irregularidade. Mas os policiais orientaram quanto às regras sanitárias e pediram que a festa fosse encerrada. A prefeitura de Balneário Camboriú informou que foi acionada por volta das 22h30min, e que o evento havia terminado. A casa de eventos não foi multada.

Nota da dupla Cleber e Cauan
Nota da dupla Cleber e Cauan
(Foto: )

O decreto estadual autoriza eventos sociais “de qualquer natureza”, como casamentos, de segunda a sexta-feira. A restrição é o horário – na sexta-feira, até 23h – e o público, limitado a 25% da capacidade.

"Somos o epicentro da nova cepa", diz secretário de Saúde de SC sobre avanço da Covid no Sul do país

As regras que valem de segunda a sexta-feira, mais frouxas, têm feito os organizadores burlarem as restrições de fim de semana transferindo os eventos para a sexta-feira. Na véspera do primeiro fim de semana de fechamentos, por exemplo, a polícia foi chamada para um casamento em uma casa de festas em Camboriú. O procedimento foi o mesmo de Balneário Camboriú: orientação.

> Profissionais de saúde pedem lockdown em Florianópolis: “Oxigênio está a ponto de acabar”

Santa Catarina vive o pior momento da pandemia do novo coronavírus, com quase 400 pessoas na lista de espera por um leito de UTI. Todas as regiões do Estado estão sob colapso do sistema de saúde. Não há leitos de terapia intensiva na rede pública, nem privada.

De acordo com levantamento do G1SC, pelo menos 70 pessoas já morreram à espera de um leito no Estado.

> Bebês são as maiores vítimas fatais de Covid-19 em SC entre crianças

> Cresce o número de crianças e adolescentes contaminados pela covid-19 em SC

Leia também:​

Florianópolis fecha acesso às praias, Ponte Hercílio Luz e bolsões da Avenida Beira-Mar Norte

Falta de remédios para intubação coloca hospitais de SC em “alerta máximo”

SC cancela novas transferências de pacientes com Covid-19 para hospitais do Espírito Santo

Hospital Regional de São José fica sem energia elétrica e pacientes com Covid recebem ventilação manual

Lockdown em SC na Justiça: entenda o processo que pede restrições por 14 dias no Estado

Diretor de escola pública morre por Covid-19 em Florianópolis

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas