Um levantamento do Observatório Covid-19 da Fiocruz identificou que 63% dos casos de coronavírus no Estado são causados por novas variantes, mais transmissíveis. Nesta quinta-feira (4), a Diretoria Estadual de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive) confirmou os primeiros casos de transmissão comunitária da variante P.1, a variante brasileira.

Continua depois da publicidade

> “Não enxergo outra alternativa”, diz procurador sobre lockdown a empresários

Foram analisadas cerca de mil amostras dos estados de Alagoas, Minas Gerais, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, de acordo com o protocolo desenvolvido pela Fiocruz Amazônia que detecta a presença das três ‘variantes de preocupação’– brasileira, sul-africana e do Reino Unido – em testes de RT-PCR. A avaliação contou com o apoio do Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Vigilância em Saúde e da Coordenação Geral de laboratórios de Saúde Pública.

> Entrevista de André Motta à Globonews retrata uma SC que não existe

A análise identifica alterações na proteína Spike, que conecta o vírus às células. Esta é uma característica comum às três variantes. Elas são consideradas mais transmissíveis porque registram uma carga viral mais alta entre os infectados.

Continua depois da publicidade

No caso de Santa Catarina, seis a cada dez testes apontaram presença das ‘variantes de preocupação’. A prevalência é semelhante à de outros estados – dos oito avaliados, seis registraram variantes em mais da metade dos casos analisados. As exceções são Minas Gerais, com 30,3% das amostras testadas como positivo para a mutação e, Alagoas, com 42,6%.

> Brasil precisa de lockdown nacional e “extremamente restrito”, diz Miguel Nicolelis

O que fazer

O comunicado emitido pela Fiocruz indica que, diante do quadro, é recomendada a aceleração da vacinação no país e medidas mais rigorosas para reduzir a circulação de pessoas . As recomendações incluem, ainda, implementação imediata de planos e campanhas de comunicação, fortalecimento do sistema de saúde e um ‘pacto nacional’ para o enfrentamento da pandemia no país. 

> Variante do coronavírus pode estar atrás de explosão de internações em SC

> Com saúde em colapso, Samu transfere mais de 50 pacientes por dia entre hospitais de SC

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz – NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total