nsc
nsc

TERMINAL AÉREO

Concessão de aeroporto no Sul de SC está avaliada em R$ 273 milhões

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
07/04/2022 - 14h02
Estimativa é que o contrato tenha 30 anos de duração
Estimativa é que o contrato tenha 30 anos de duração (Foto: Lariane Cagnini, BD)

A concessão do Aeroporto Regional Humberto Ghizzo Bortoluzzi, em Jaguaruna, está estimada em R$ 273,3 milhões. A previsão de investimentos foi informada pelo governo de Santa Catarina, que anunciou que vai abrir uma consulta pública que antecede a publicação da licitação para exploração do terminal aéreo no Sul do Estado.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

O edital vai prever um prazo de concessão de 30 anos. Os documentos estarão disponíveis na página do Programa de Parcerias e Investimentos do Estado (PPI-SC) de 18 de abril a 20 de maio.

Além de transferir a gestão do aeroporto para a iniciativa privada, o governo vai exigir do vencedor da disputa obras de expansão do terminal. O objetivo com a contratação “é a melhoria, ampliação e eficientização da prestação de serviços aeroportuários deste equipamento de grande importância para a região Sul”, segundo o Estado.

Secretaria da Infraestrutura e Mobilidade e SCPar começaram a modelar a concessão do Aeroporto de Jaguaruna em março do ano passado. Quatro empresas foram habilitadas para desenvolver os estudos de viabilidade técnica, econômico-financeira, jurídica e ambiental.

O lançamento da consulta pública segue os mesmos passos de outros projetos sob o guarda-chuva do PPI-SC, como o Centro de Eventos de Balneário Camboriú, o futuro Complexo Prisional de Blumenau e o mirante da Serra do Rio do Rastro. O aeroporto foi inaugurado em 2010, mas as operações comerciais com voos diários tiveram início apenas em 2015.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Locomotiva que virou atração turística em Blumenau tem data para voltar aos trilhos

Após Fort Atacadista, Oktoberfest Blumenau encaminha outro patrocínio de renome nacional

Conselho autoriza demolição de fachada de prédio histórico em Blumenau atingido por incêndio

Blumenau vai reavaliar modelo financeiro da Oktoberfest

Hang nega ser contra Shopee, Shein, AliExpress e outras plataformas após polêmica sobre impostos

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas