nsc
    nsc

    CICLONE

    As diferenças entre o ciclone bomba e o desta semana em SC

    Compartilhe

    Puchalski
    Por Puchalski
    05/07/2020 - 11h18 - Atualizada em: 07/07/2020 - 05h06
    Ciclone da semana passada

    Nesta terça-feira temos o processo inicial de formação do novo ciclone sobre o Sul do Brasil, mais precisamente na altura do RS. Como já estamos comentando desde o final da semana passada, este agora em nada tem haver com o ciclone da semana passada ele será menos intenso.

    >> Entenda a diferença entre ciclone, vendaval, tempestade, tornado e tufão

    PRÓXIMO CICLONE X CICLONE BOMBA

    Como escrevi em uma outra coluna aqui no NSC Total o que provocou os ventos acima de 100 km/h na semana passada foi uma Linha de Instabilidade (LI) que surgiu a partir do ciclone bomba que se formou pelo RS. Estas LI fazem parte dos sistemas meteorológicos que provocam vento muito forte em SC. Provavelmente foi muito forte porque se tratava de um ciclone bomba, ou seja, muito intenso.

    Este próximo não tem previsão de ser tão intenso. Para terem ideia, as projeções são que ao passar pelo continente este ciclone tenha 1007 a 1009 hpa (hectopascal). Chegando a 1000 hpa quando tiver no mar lá pela quarta-feira. O bomba teve momentos bem baixo de 1000hpa, ou seja, bem mais intenso.

    >> Ciclone da última semana supera Furacão Catarina e é o pior desastre com ventos da história de SC

    O QUE ESTÁ PREVISTO E QUAL O PERÍODO DE MAIOR ATENÇÃO

    Nesta terça-feira há condições de rajadas ao longo da manhã para a tarde na faixa do Oeste, Meio Oeste e algumas cidades do Planalto. Previsão de 40 a 60 km/h. Isso rajadas, boa parte do dia abaixo disso.

    QUARTA

    No seu processo de formação e deslocamento o ciclone gera uma frente fria - nuvens de chuva - que deverá cruzar SC de Oeste para o Litoral entre a próxima madrugada e a manhã desta quarta.

    É dentro desse deslocamento que novamente uma Linha de Instabilidade - nuvens de temporais uma do lado da outra - poderá se formar trazendo vento forte com chuva e raios por um período bem curto:

    Na madrugada de terça para quarta atenção para o Oeste até a Serra. Na manhã de quarta, da Serra para o Litoral. Neste momento poderemos ter:

    Ventos de 60 a 80 km/h

    Muito importante: Além de mais fraco a previsão é que muito menos cidades deverá ter problemas com vento.

    >> Tornados podem ter passado por SC junto com ciclone; entenda

    Resumindo:

    Comparações
    Comparações
    (Foto: )

    Leia também:

    Reação aos alertas do tempo é um desafio para Santa Catarina

    Relembre seis vezes em que Santa Catarina foi atingida por tornados

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas