nsc
nsc

Mau exemplo

Encontro de Bolsonaro com centenas de pessoas em Chapecó é ofensa ao setor de eventos em SC

Compartilhe

Raphael
Por Raphael Faraco
26/06/2021 - 14h15 - Atualizada em: 26/06/2021 - 20h14
Promessa era de que o local, com capacidade para 1,3 mil pessoas, receberia 800 convidados
Promessa era de que o local, com capacidade para 1,3 mil pessoas, receberia 800 convidados (Foto: Reprodução YouTube / Brasil de Olho)

Durante visita a Chapecó, o presidente da República Jair Bolsonaro se reuniu com autoridades políticas e empresários da região nesta sexta-feira (25). A promessa era de que o local, com capacidade para 1,3 mil pessoas, receberia 800 convidados, com todos os protocolos sanitários. Tudo definido em reunião com os representantes da Comissão Intergestores da Regional (CIR), neste caso do Oeste, como prevê o decreto do governo para eventos de massa com mais de 500 pessoas. 

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Mas não foi bem isso que aconteceu, como não acontece em todas as andanças de Bolsonaro pelo país. 

A grande maioria dos eventos está proibida em SC há mais de 15 meses. A realização de um deste porte, durante a visita presidencial, é mais um tapa na cara de um setor que caminha à falência. Para os que ainda resistem, claro. 

Como dizer para quem cumpre regras que as mesmas são totalmente ignoradas pela maior autoridade do país? E o pior é que é tão comum que para muitos, é também "normal".

Mas não é. Há meses o setor clama por mais atenção. Agora, é que datas para eventos-teste foram definidas e o Estado prepara os cofres para ajudar quem perdeu o emprego. 

> SC oferece realidade paralela a Bolsonaro enquanto governo implode na CPI

Enquanto o presidente se reúne com centenas de pessoas no Oeste de SC, o governo local e representantes do setor de eventos seguem buscando alternativas seguras para o retorno da atividade em meio à pandemia. 

O mais curioso é que muitos trabalhadores entendem o momento. Mas diante de tamanha dificuldade, precisam de auxílio. O presidente também.

Leia também:

> SC lança “campanha do agasalho” para pets em Florianópolis; veja como ajudar​

> Maré seca atinge o litoral de SC; entenda o fenômeno

> Reajuste salarial para 30 mil servidores da Segurança de SC deve chegar à Alesc semana que vem

> Termômetro Solidário: campanha mobiliza catarinenses para arrecadação de roupas

Raphael Faraco

Colunista

Raphael Faraco

Jornalista com mais de 20 anos de carreira, editor e apresentador da NSC TV. Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em SC.

siga Raphael Faraco

Raphael Faraco

Colunista

Raphael Faraco

Jornalista com mais de 20 anos de carreira, editor e apresentador da NSC TV. Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em SC.

siga Raphael Faraco

Mais colunistas

    Mais colunistas