nsc
nsc

Água no chopp

Decisão do TCE “mela” reajuste de servidores proposto por Moisés

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
22/06/2021 - 06h00 - Atualizada em: 22/06/2021 - 07h25
Decisão proíbe reposição e reajuste salarial
Decisão proíbe reposição e reajuste salarial (Foto: TCE;/Divulgação)

A decisão do Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE) desta segunda-feira (21) é um sinal forte de que a intenção do governador Carlos Moisés da Silva em dar aumento de salários para os servidores terá uma barreira jurídica e legal. O TCE seguiu o posicionamento mais recente do Supremo Tribunal Federal (STF), através do ministro Alexandre de Moraes. O magistrado deixou claro que a Lei Complementar 173, de ajuda aos Estados e municípios, impede inclusive a reposição da inflação do período.

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Carlos Moisés anunciou na semana passada que nenhum professor ganhará menos do que R$ 5 mil, com a ideia de pagar já em 2021. A reposição para os servidores da segurança pública seria para 2022, conforme informou Raphael Faraco, o que não traria problema.

Algumas leituras são possíveis de serem feitas através do gesto de Moisés. A primeira delas é apresentar uma boa notícia como contraponto à reforma da previdência que irá aportar nesta semana na Alesc, e é sempre indigesta ao servidor.

O que está por trás do pacote de bondades de Moisés

Outra é que apesar de ter as contas aprovadas e até elogiadas pelo TCE, o poder executivo não atingiu os 25% necessários de investimento em educação. É curioso, mas o governo precisa e quer gastar esse dinheiro, anunciou compra de uniformes e o aumento para os professores. Os 25% de gasto com educação garantem a certidão que o Estado precisa no Tesouro Nacional para buscar ou renegociar empréstimos nas principais agências de financiamento.

Leia mais:

Tribunal de Contas de SC suspende reajuste a servidores, mas sem devolução do dinheiro

A repercussão em SC da medida que pode baixar preço da passagem de ônibus

O temor da fuga de empresas de SC ao PR

O que muda na despoluição da Beira-Mar Norte com a marina de Florianópolis

Bares e restaurantes de SC querem usar modelo europeu para reduzir distância entre as mesa

Hospital de SC tem dois dias para reabrir 100% leitos de UTI Covid-19

Decisão do STF impede demolição de 150 casas em São José

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Mais colunistas

    Mais colunistas