nsc
nsc

Planejamento

Mais de 70 cidades de SC usarão plataforma inédita de inteligência de dados; veja lista

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
16/11/2021 - 10h08
Joinville
Joinville (Foto: Mauro Schlieck, arquivo pessoal)

O Observatório FIESC e o Observatório de Negócios do Sebrae/SC apresentam nesta terça-feira (16) uma nova plataforma de inteligência em dados voltada para a gestão municipal. O Cidade Única reúne informações online de mais de 200 indicadores sociais, demográficos e econômicos de cada um dos 5.570 municípios brasileiros, que orientam a prefeitura na tomada de decisão para o desenvolvimento local. 

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

>Fila e demora garantem gratuidade do pedágio na BR-101 em SC; entenda

O evento de apresentação será exclusivo para 75 municípios catarinenses que fazem parte do Programa Cidade Empreendedora, do Sebrae/SC, e que irão adotar a plataforma nesta etapa. O evento terá ainda uma palestra do diretor de Inovação e Competitividade da FIESC, José Eduardo Fiates, sobre “Inteligência em dados na gestão pública”.

“A partir do monitoramento de indicadores, a prefeitura tem ao seu alcance um diagnóstico mais preciso e poderá realizar um planejamento muito mais eficiente para o desenvolvimento do município. O resultado se traduz em qualificação da gestão pública, com serviço de maior qualidade e mais transparência para a população” afirma a diretora-executiva do Instituto Euvaldo Lodi (Fiesc), Eliza Coral.

O sistema é constantemente atualizado e abastecido por dados oficiais provenientes de mais de 40 bases públicas, com pelo menos cinco anos de série histórica, o que permite o acompanhamento do desempenho de cada município em nove eixos: Demografia, Social, Infraestrutura, Orçamento Público, Economia, Setor Primário, Saúde, Educação e Potencial de Consumo.

Os gráficos gerados podem ser utilizados em apresentações ou compartilhados em redes sociais, o que torna a administração mais transparente e acessível ao cidadão. O Cidade Única disponibiliza comparações com municípios de características sociais, demográficas e econômicas similares, chamados de cluster, o que permite ao gestor público traçar metas de desenvolvimento e potencializar parcerias entre prefeituras.

Veja a lista das cidades que farão parte, inicialmente, do programa:

Mafra, Monte Castelo, Três Barras, Joinville, Papanduva, São Carlos, Pinhalzinho, Xanxerê, Faxinal dos Guedes, Caxambu do Sul, Marema, São Domingos, Xaxim, Lindoia do Sul, Galvão, Cordilheira Alta, Lajeado Grande, Chapecó, Seara, Saudades, Ascurra, Ibirama, Ituporanga, Taió, Indaial, Blumenau, Lontras, Laurentino, Rodeio, Vidal Ramos, Santa Terezinha, Imbituba, Criciúma, Tubarão, São Martinho, Turvo, Capivari de Baixo, Morro da Fumaça, Jaguaruna, Imaruí, Armazém, Araranguá, Grão Pará, Bom Jardim da Serra, Otacílio Costa, Frei Rogério, Cerro Negro, Monte Carlo, urupema, Anita Garigaldi, Vargem, Palmeira, Tijucas, Bombinhas, Canelinha, Itajaí, Porto Belo, Nova Trento, São José, Palhoça, Florianópolis, Santp Amaro da Imperatriz, Palma Sola, Maravilha, Caibi, Itapiranga, Anchieta, Guarujá do Sul, Campo Erê, Zortéa e Irineópolis.

Leia Mais:

Instituto de Cardiologia em São José completa uma semana com aparelhos quebrados

Veja dicas de como construir mais rápido e gastando menos

SC tem mais mortes violentas do que Israel; entenda

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Renato Igor

Colunista

Renato Igor

Apresentador e comentarista na CBN Diário e NSC TV, Renato Igor faz análises e traz as notícias sobre o que acontece em Santa Catarina e o que influencia os rumos do Estado.

siga Renato Igor

Mais colunistas

    Mais colunistas