nsc
    nsc

    Mobilidade

    Joinville tenta ajuda do Estado para construção de ponte na zona Sul

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    02/05/2021 - 14h34
    Nova ponte cria novo acesso ao terminal de ônibus do Guanabara
    Nova ponte cria novo acesso ao terminal de ônibus do Guanabara (Foto: Reprodução, Google Maps)

    O prefeito Adriano Silva vai reforçar a solicitação de contribuição do governo do Estado para a construção da ponte na rua Anêmonas. O pedido será feito nesta segunda-feira, durante a visita da governadora em exercício Daniela Reinehr à cidade. A reivindicação fez parte da lista de demandas entregue por Adriano ao governo do Estado em janeiro. Repasse para a folha de pessoal do Hospital São José e reajuste no pagamento do Estado ao Hospital Infantil, administrado por organização social, também foram solicitadas.

    > Cruzamento é desafio em projeto de duplicação de acesso em Joinville​​

    > Receba notícias de Joinville e do Norte de SC por WhatsApp 

    A obra entre as ruas Anêmonas e Esteves Júnior, ligando os bairros Fátima e Guanabara, faz parte da relação de três pontes que a prefeitura de Joinville pretende construir desde a década passada, sem sucesso. A ponte da Aubé, tema da campanha eleitoral de 2000, vem sendo apontada como “iminente” desde 2011. Em 2015, foi incluída no PAC da Mobilidade e, mesmo assim, ainda não saiu. A ponte da Nacar com a rua Coronel Francisco Gomes tem mesmo roteiro. Neste momento, o governo Adriano Silva não arrisca ainda uma estimativa de quando serão lançados os editais de licitação.

    A ponte da Anêmonas teve sugestão de retirada do PAC da Mobilidade pela administração anterior. A proposta atingia outras obras, em medida sugerida porque os recursos remanescentes não são suficientes para bancar todo o pacote restante. A atual administração quer manter a obra e procura mais fontes de recursos. No ano passado, a ponte estava estimada em R$ 4,2 milhões, mas há necessidade de mais investimentos no entorno, como pavimentações, por exemplo. 

    Se sair, a construção vai ajudar a desafogar o trânsito naquela região de acesso à zona Sul, hoje concentrado na rua Guanabara justamente por causa da existência da uma ponte na via. A ponte da Anêmonas, a pouco mais de 200 metros de distância, ficaria com parte desse tráfego. Essa ligação também dá acesso ao terminal de ônibus do Guanabara.

    > Em 2021, duplicação da BR-280 terá apenas 20% do investimento ideal

    > Com mais de cinco anos, continua cobrança pela recuperação da iluminação na Serra Dona Francisca

    Mais colunistas

      Mais colunistas