nsc
dc

publicidade

Nosso jeito de cuidar apresenta

Amor é a palavra que move os colaboradores de hospital na Grande Florianópolis 

Atendimento humanizado é a bandeira da cooperativa que se destaca pela forma de atender e cuidar

13/08/2019 - 14h37 - Atualizada em: 27/08/2019 - 14h45

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
(Foto: )

No dicionário, humanizar significa tornar mais humano, mais sociável. Na prática, são gestos simples de atenção e de cuidado que dão sentido à palavra.

— É quando conseguimos sentir que aquele que cuidamos, seja nosso paciente, seja cliente, é o “amor” de alguém. Quando esse sentimento se destaca, os demais são consequências: respeito, ética, dedicação e compaixão. Isso é involuntário, não é mensurado. E o melhor, não custa nada — destaca a coordenadora de enfermagem do Hospital Unimed da Grande Florianópolis, Cristiani Pereira.

As atitudes de Cristiani explicam puramente o que é um tratamento humanizado, de quem se preocupa com o outro. Segundo ela, é ir além da visão técnica da doença, dos procedimentos cirúrgicos ou dos remédios.

— É também exercitar o amor que toma conta da gente e nos ajuda a enxergar o outro com alma e coração. Esse é o nosso jeito de cuidar — afirma.

O jeito de cuidar da coordenadora a transforma em Narizinho, parte do projeto Enfermeiros da Alegria. Vestidos de palhaços, ela e o personagem Marido, interpretado pelo colega de trabalho Gabriel, deixam de lado a seriedade dos atendimentos médicos para se envolverem emocionalmente com os pacientes.

Outros momentos também transformam o hospital em ambiente de amor e esperança, como quando as paredes brancas ganham cores e movimentos dos filmes nas tardes de cinema com pipoca.

— Preparamos nosso auditório para receber os pacientes com poltronas, filme e direito a mimos como a pipoca e chá, conforme orientação médica. Nossa psicóloga define a programação do dia e os pacientes, dependendo muito do estado clínico, são convidados com seus acompanhantes. E, claro, fica uma equipe multidisciplinar no local para realizarmos tudo com muita segurança — pontua a coordenadora de enfermagem.

Se não bastasse a atenção carinhosa dos colaboradores do hospital, algumas visitas especiais trazem ainda mais alegria para quem passa por difíceis momentos na internação.

— O paciente ou a família relata a vontade de receber a visita de seu pet. Assim verificamos algumas normas institucionais e é agendado o dia, que é de muita alegria. Cada vez mais isso vem acontecendo — comenta Cristiani.

Ações são reflexos do tratamento com os colaboradores

Não é por acaso que os colaboradores da Unimed Grande Florianópolis têm esse carinho pelos clientes. É um cuidado que começa dentro de casa, entre os próprios médicos, enfermeiros e até mesmo administradores.

— A relação que a cooperativa tem com os cooperados e colaboradores é a valorização desse trabalho. Essa relação é fortalecida com a missão da Unimed Grande Florianópolis e considero que está totalmente entrelaçado com o nosso Jeito de Cuidar — comenta Cristiani.

Essa é a mesma percepção do Gestor de Relacionamento Corporativo, Rodrigo Luiz da Costa, que tem uma longa história de crescimento e acolhimento dentro da Unimed Grande Florianópolis, desde 1999.

— Comecei a trabalhar como menor aprendiz exercendo a função de office-boy. Quando faltavam dois meses para encerrar meu contrato de trabalho, fui convidado para trabalhar como estagiário no setor de expedição e, na sequência, recém-formado no ensino médio, fui contratado como funcionário — descreve Rodrigo.

Rodrigo Luiz da Costa, que tem uma longa história de crescimento e acolhimento dentro da Unimed Grande Florianópolis, desde 1999.
Rodrigo Luiz da Costa, que tem uma longa história de crescimento e acolhimento dentro da Unimed Grande Florianópolis, desde 1999.
(Foto: )

A dedicação de Rodrigo ao longo dos anos foi valorizada. Buscando melhorias no desenvolvimento profissional, o então funcionário do setor de expedição decidiu cursar administração e correr atrás de outras oportunidades de crescimento.

— Com a vivência acadêmica, fiquei interessado em trabalhar em outros departamentos aqui dentro. Um deles foi o de relacionamento corporativo. Logo no momento que abriu uma vaga no departamento, me inscrevi e conquistei a vaga de atendente corporativo. Amadurecendo e aprendendo com os colegas de trabalho, fui promovido a assistente corporativo e, logo que me formei na faculdade, fui promovido à função que exerço hoje, um cargo de gestor — relata.

Nosso jeito de cuidar

O movimento Nosso Jeito de Cuidar conecta os colaboradores, cooperados, pacientes e clientes em uma ação de carinho e, principalmente, amor. A filosofia de cuidado com os outros está sendo implementada aos poucos na Unimed Grande Florianópolis, uma das primeiras da rede da cooperativa a aderir ao formato de trabalho.

— Tenho convicção de que estamos no caminho certo, pois tem muita dedicação e trabalho sério envolvido, de todas as áreas — finaliza Cristiani Pereira.

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Especiais Publicitários

publicidade

Colunistas

    publicidade

    publicidade

    publicidade