nsc
hora_de_sc

Luto

Cantor da Garotos de Ouro começou a dirigir ônibus da banda na pandemia

Airton Machado, 62 anos, voltava de uma apresentação do grupo em Lages, na Serra

13/09/2021 - 11h36 - Atualizada em: 13/09/2021 - 17h42

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
Acidente aconteceu durante a madrugada desta segunda-feira (13) em Águas Mornas
Acidente aconteceu durante a madrugada desta segunda-feira (13) em Águas Mornas
(Foto: )

Morto em um acidente na BR-282, na Grande Florianópolis, Airton Machado, 62 anos, começou a dirigir o ônibus da banda durante a pandemia. O músico estava acompanhado da esposa, Renata Machado, 32 anos, quando o veículo saiu da pista colidindo com um barranco no Km 44 da rodovia.

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

> Garotos de Ouro: conheça a banda gaúcha que faz sucesso pelo Brasil

Ele voltava da Serra catarinense, onde participou de um show no sábado (11). Vestido com roupas tradicionais gaúchas, Airton cantou em boa parte da apresentação. Também voltou ao palco para apresentar um leilão de itens do grupo.

Passou o domingo (12) no município da Serra onde almoçou com o sócio, Dhianine Alves. Segundo o empresário, Airton fazia planos para o futuro. Juntos, os dois planejavam uma turnê para comemorar os 50 anos da banda, comemorado no próximo ano.

Após a despedida, Dhianine só teve informações sobre o amigo na madrugada. Segundo ele, a esposa de Airton foi quem ligou para avisar sobre o acidente. Ela dormia num quarto na parte traseira do veículo no momento da colisão. Com ferimentos, foi encaminhada ao hospital.

> Corpo de cantor da Garotos de Ouro será cremado em Criciúma

— Nós almoçamos juntos e ele ficou comigo lá [em Lages} durante a tarde. Ele saiu de lá ao anoitecer e por volta da 1h30min aconteceu essa fatalidade — conta.

A função de motorista foi uma imposição da pandemia. Ele ia sozinho, com os equipamentos, enquanto o resto do grupo se dirigia aos shows em carros particulares.

Para Dhianine, a morte de Airton representa a perda de um familiar. Fã da Garotos de Ouro desde a infância, ele passou a ser um dos donos da marca há quatro anos.

— A gente tinha uma relação de pai para filho. A gente faz aniversário até no mesmo dia, 15 de setembro [...] Ele me pedia para comprar a banda porque não queria que ela acabasse — afirma.

Em nota, a Garotos de Ouro lamentou a morte de Airton. “Calou a gaita mais fandangueira dos bailes do sul do Brasil”, escreveu o grupo. Não há uma definição sobre os próximos shows do grupo.

O velório de Airton Machado acontece nesta segunda-feira em Criciúma, no Sul catarinense. Ele deixa três filhos e a esposa.

Leia também 

Menino de 2 anos é picado por animal e morre no Alto Vale

Acidente com micro-ônibus de time de vôlei mata três pessoas em Lages

Policial militar de folga morre em Chapecó após troca de tiros com agressor

Colunistas