nsc
dc

Turismo de inverno

Cinco parques para visitar na Serra Catarinense

Muitos deles estão bem próximos de pontos turísticos nacionalmente conhecidos e são uma boa pedida para quem está à procura da neve ou de descanso

27/07/2021 - 16h18

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Vista para a Pedra Furada no Parque Nacional de São Joaquim
Vista para a Pedra Furada no Parque Nacional de São Joaquim
(Foto: )

Existem pelo menos dois tipos de parques: os municipais, que fazem parte da administração pública de um município, e os nacionais, que têm uma área muito maior. Independentemente da extensão ou do tipo de parque, não há dúvidas de que eles estão entre as maiores atrações turísticas na Serra Catarinense.

> Maior frio de SC em 60 anos pode ser registrado nesta semana; veja

Em meio ao cotidiano agitado, os parques são uma ótima opção para descansar e respirar ar puro. Por isso, preparamos este guia com uma lista de alguns parques para incluir em seu roteiro de viagens enquanto visita a Serra.

São Joaquim: Praça João Ribeiro

Localizada no centro da cidade de São Joaquim, a praça João Ribeiro é parada obrigatória para quem visita a cidade. Conhecida como um dos cartões postais da cidade, suas árvores e chafariz costumam ficar congelados durante o inverno - uma oportunidade para tirar fotos memoráveis do seu passeio. Também é nesta praça onde fica localizado um dos termômetros de rua mais conhecidos do país, que é fotografado por turistas e fotojornalistas quando marca temperaturas abaixo de zero.

Praça João Ribeiro em São Joaquim
Praça João Ribeiro em São Joaquim
(Foto: )

A praça fica em frente a Igreja Matriz de São Joaquim, que também é aberta à visitação. Além disso, de acordo com a prefeitura local, em 2021 será construído um novo Centro de Informações Turísticas para atender visitantes durante o inverno, quando há maiores chances de neve.

> Atividades esportivas para praticar no inverno serrano

De lá, você pode dar uma passada no Belvedere, uma escadaria que tem uma vista panorâmica da cidade, de acesso público e gratuito.

Urupema: Praça Manoel Pinto de Arruda

A Serra Catarinense é conhecida por suas cidades frias. Urupema venceu a disputa e recebeu o título de cidade mais fria do Brasil. Com pouco mais de 2 mil habitantes, o município tem um ritmo de cidade do interior e é muito acolhedor. Se você está em busca da neve neste inverno, a praça da cidade é um ótimo lugar para conhecer. O local está decorado com portais de madeiras que dão um charme especial à praça.

Entre 1º de abril e 17 de junho de 2021, Urupema teve 547 horas com temperaturas de, no máximo, 7,2ºC.
Entre 1º de abril e 17 de junho de 2021, Urupema teve 547 horas com temperaturas de, no máximo, 7,2ºC.
(Foto: )

Neste parque, há uma nascente que abriga trutas arco-íris, conhecidas por terem uma listra rosa no centro do seu corpo. Essa espécie é responsável pela criação de um anticoagulante que salvou a vida de muitas pessoas.

À 7 km da praça, você pode visitar o Morro das Antenas e uma cascata que congela durante o inverno, ambos indicados por placas. O morro está a 1.750 metros de altitude e tem uma vista panorâmica da região.

Lages: Parque Jonas Ramos - Tanque

No centro de Lages, capital do turismo rural, fica o parque Jonas Ramos. O local tem uma ampla área arborizada para curtir o fim de tarde em um passeio tranquilo na grama. Lá, é possível alimentar carpas e visitar o Centro Ambiental, que fornece informações sobre a fauna da Serra Catarinense.

> Conheça a história de 3 pratos de pinhão e aprenda a fazer em casa

Popularmente conhecido como Tanque, o nome do local tem uma história bastante interessante. Em meados de 1770, muitas lavadeiras se encontravam no local onde hoje fica o parque. Como havia muitos ataques de animais, Correia Pinto, fundador da cidade, mandou construir um local que as protegesse dos perigos da mata selvagem, que deu origem ao Tanque.

Fundado no século XVIII, o parque Jonas Ramos é protagonista de lendas, mas também de ótimos momentos para quem o visita
Fundado no século XVIII, o parque Jonas Ramos é protagonista de lendas, mas também de ótimos momentos para quem o visita
(Foto: )

Segundo a lenda local, uma mãe solteira, algo inaceitável para a sociedade da época, havia afogado seu filho nas águas do Tanque. Essa criança teria se transformado em uma grande cobra. Sua cabeça estaria no parque e a cauda percorreria todo o rio Carahá, que circunda a cidade.

Nossa Senhora dos Prazeres, padroeira do município, teria transportado a cabeça da serpente até a Catedral, igreja que fica a algumas quadras do local, e prendido o animal sob seus pés. Os mais antigos temem quando a santa é tirada da Catedral, pois o misticismo diz que, se ela abandonar seu posto, a cidade será tomada pelas águas, e ficará submersa.

Bom Jardim da Serra: Parque Eólico

Quem já subiu ou desceu a Serra do Rio do Rastro, deve ter reparado na grande quantidade de aerogeradores dispostos no topo da serra. Ali, está localizado o Parque Eólico de Bom Jardim, que abriga 62 geradores de energia limpa, uma maneira de aproveitar os fortes ventos da localidade. Investindo uma pequena taxa, é possível visitar o parque e caminhar até a borda do cânion da Ronda, que tem uma vista linda.

De acordo com a Associação Brasileira de Energia Eólica, há cerca de 8 mil aerogeradores distribuídos pelo país.
De acordo com a Associação Brasileira de Energia Eólica, há cerca de 8 mil aerogeradores distribuídos pelo país
(Foto: )

O local é de fácil acesso: na SC-390, há um portão e uma estrada que ficam ao lado do Café Alto da Serra. Depois de 2 km de caminhada, haverá uma guarita, onde deve pagar a entrada. Para quem quiser estender o passeio, existem alguns campings, onde é possível acampar a 1.448 metros de altitude.

Parque Nacional de São Joaquim

Os Parques Nacionais são áreas de conservação ambiental de grande extensão, criadas para proteção da fauna e flora de uma determinada região. Fundado em 1961, o Parque Nacional de São Joaquim tem uma área de quase 50 mil hectares e está voltado à educação ambiental e estímulo à visitação turística.

> Serra catarinense oferece acomodações para todos os gostos; conheça as possibilidades

O parque está sob a tutela do Instituto Chico Mendes, e as visitas devem ser agendadas no site do ICMBio. Uma de suas principais atrações é a visita ao Morro da Igreja, onde está localizada a Pedra Furada.

A 1.822 metros do nível do mar, a Pedra Furada é um dos atrativos turísticos de maior altitude do sul do país.
A 1.822 metros do nível do mar, a Pedra Furada é um dos atrativos turísticos de maior altitude do sul do país
(Foto: )

Como a área é bastante grande, o parque é composto por um conjunto de municípios e pode ser acessado de diversas maneiras. Em Urubici, a sede está localizada na Avenida Pedro Bernardo Warmling, nº 1542, que realiza atendimentos aos visitantes.

Leia mais sobre a Serra Catarinense no canal do NSC Total.

Leia também

SC tem recorde de frio e geada no amanhecer; veja fotos

Frio extremo em SC gera preocupação e cidades preparam apoio a moradores de rua

Nevascas históricas em Santa Catarina; veja fotos e quando aconteceram

Colunistas