nsc
santa

Imunidade

Entenda por que a vacinação contra a gripe é ainda mais importante durante a pandemia de Covid-19

A imunização contra o vírus da Influenza protege os mais vulneráveis e ajuda a aliviar a sobrecarga do sistema de saúde

31/05/2021 - 06h04 - Atualizada em: 10/06/2021 - 08h23

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Vacina contra a gripe
Em Blumenau a vacina está sendo aplicada nos Ambulatórios Gerais e nas unidades de Estratégia Saúde da Família (ESF).
(Foto: )

Com a chegada do inverno, o Ministério da Saúde promove em todo o Brasil a campanha anual de vacinação contra a gripe. A imunização começou no dia 12 de abril e busca combater três subtipos do vírus também conhecido como influenza: H1N1, H3N2 e Influenza B. Embora não proteja contra o coronavírus, se vacinar contra a gripe é ainda mais importante em tempos de pandemia.

> Vacina contra a gripe: tire suas dúvidas sobre a campanha 2021

Segundo a Organização Panamericana de Saúde (Opas), a Influenza ocorre durante todo o ano, mas é mais frequente no outono e no inverno. Durante uma epidemia sazonal de gripe, entre 5% e 15% da população é infectada, resultando em aproximadamente 3 a 5 milhões de casos graves por ano e de 250 a 500 mil mortes no mundo, principalmente entre idosos e portadores de doenças crônicas.

O vírus da gripe é altamente contagioso, afetando principalmente pessoas idosas e com comorbidades. A infecção dura aproximadamente uma semana, e pode levar a complicações como pneumonia grave e até mesmo a morte. Sua ampla disseminação também pode sobrecarregar as unidades de saúde e hospitais. Daí a importância de, anualmente, o máximo de pessoas possível se vacinar, com o objetivo de diminuir o número de contágio e, por consequência, de pessoas acometidas pela doença de forma mais grave ou até mesmo fatal.

Quais são os benefícios da vacina contra a gripe durante a pandemia?

• Reduz as confusões com os sintomas de Covid-19

Dificuldades respiratórias, dores no corpo, febre e pneumonia são alguns dos sintomas em comum entre a gripe e o coronavírus. Muita gente pode procurar o hospital achando estar com Covid-19 e ficar suscetível ao contágio deste vírus. Diminuir o contágio da Influenza ajuda os profissionais da saúde a focarem no combate à pandemia;

• Protege os vulneráveis

Pessoas idosas ou com comorbidade são mais vulneráveis aos efeitos das duas doenças. Caso contraiam a gripe, podem ter o sistema imunológico prejudicado, favorecendo assim o surgimento de outras infecções, como a Covid-19. Assim, a imunização contra a Influenza acaba protegendo as pessoas com a saúde mais frágil;

• Reduz a superlotação dos hospitais

A gripe pode levar a complicações como pneumonia grave, que necessita de internação e pode levar à morte. Reduzir seu contágio impede que mais pessoas precisem procurar as unidades de saúde, evitando assim a sobrecarga dos leitos hospitalares.

Blumenau entra na 2ª etapa da vacinação contra a gripe

No dia 11 de maio, o município de Blumenau entrou na 2ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe. Esta etapa inclui idosos com 60 anos ou mais, professores e trabalhadores da rede pública e privada. A vacina está sendo aplicada nos Ambulatórios Gerais e nas unidades Estratégia Saúde da Família (ESF) com sala de vacinação ativa, e deve ser feita mediante agendamento pelo site da Prefeitura ou por telefone diretamente nas unidades ESF.

> Vacinação da Covid-19 avança em SC: região de Blumenau é a segunda com mais doses aplicadas no Estado

Até o dia 21 de maio, 23.635 doses da vacina contra a Influenza foram aplicadas em Blumenau. Foram imunizadas 11.298 crianças de 6 meses a menores de 6 anos, 1.515 gestantes; 191 puérperas; 2.624 trabalhadores da saúde; 6.596 idosos acima de 60 anos; 1.396 professores da rede pública e privada. A dose é única.

Como as campanhas de vacinação contra a gripe e contra o coronavírus coincidem, a orientação das autoridades de saúde é para que as pessoas dos grupos prioritários se imunizem primeiro contra a Covid-19. Aqueles que já receberam a primeira ou segunda dose da vacina contra o coronavírus devem esperar pelo menos 14 dias para receber a da gripe. A mesma orientação vale para quem se vacinou contra a gripe e precisa tomar a dose contra o coronavírus.

Acesse o especial Blumaneu faz bem ou o site da Prefeitura de Blumenau para ficar por dentro das novidades sobre vacinação no município.

Leia também

Possível demissão de Tite fortalece crise na Seleção, com reação de bolsonaristas; entenda

Covid-19: Blumenau lidera ranking com a menor taxa de letalidade do Brasil

Qual a função do poder público no combate à pandemia?

Colunistas