nsc
hora_de_sc

Violência

Família é feita refém durante jantar em Florianópolis e assalto termina em troca de tiros com a polícia

Oito pessoas estavam reunidas no local quando bandidos invadiram residência na noite desta terça (22)

23/12/2020 - 08h00 - Atualizada em: 23/12/2020 - 13h28

Compartilhe

Por Guilherme Simon
Assalto residência Florianópolis
Policiais cercaram residência onde criminosos faziam família refém
(Foto: )

Uma família foi feita refém na noite desta terça-feira (22) por assaltantes no Morro da Lagoa, em Florianópolis. Segundo a Polícia Militar (PM), três criminosos invadiram a residência das vítimas, onde ocorria um jantar com a presença de oito pessoas. Ao tentar fugir, os assaltantes trocaram tiros com policiais. Dois dos bandidos foram presos, e as vítimas foram resgatadas sem ferimentos.

> Homem é preso por importunação sexual contra adolescente em ônibus de Florianópolis

Ainda de acordo com a PM, a ocorrência foi registrada por volta das 22h. A casa invadida pelos criminosos fica na subida do Morro da Lagoa, no bairro Itacorubi. Os bandidos entraram pela janela lateral da residência. Dois dos reféns conseguiram se esconder e acionaram a polícia.

No local, a PM cercou a residência. Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foram acionados para reforçar o atendimento. Ainda de acordo com a PM, as vítimas ficaram por cerca de 30 minutos trancadas na casa sob a ameaça dos bandidos, que gritavam e quebravam móveis. Os policiais monitoraram a situação de fora da casa.

Quando os criminosos tentavam deixar o local, foram surpreendidos pelos agentes. Um dos assaltantes atirou contra os policiais, dando início ao tiroteio, ainda de acordo com a PM. A rua foi bloqueada.

Dois dos bandidos acabaram presos. Um deles, possivelmente ferido, conseguiu fugir para uma área de mata, e não havia sido encontrado até o início da manhã desta quarta (23).

> Com infestação de formigas e furto de fios, semáforo do Titri fica sem funcionar em Florianópolis

A polícia acredita que haja ainda um quarto criminosos envolvido, que teria dado suporte aos comparsas de fora da casa.

O Samu foi acionado para prestar socorro às vítimas. Perto da residência, os policiais encontraram joias e equipamentos eletrônicos separados pelos criminosos. Os dois assaltantes presos foram conduzidos à Central de Plantão Policial, no bairro Agronômica. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Leia também:

> Casal que sequestrou menina em Palhoça já abordou pais de outras crianças, diz polícia

> Profissionais do Samu entram em greve em SC para cobrar 13º salário; veja como fica o serviço

> Justiça proíbe eventos em Santa Catarina e determina limitação de ocupação em hotéis

> Coronavírus pode ser transmitido pela água da praia? Tire dúvidas sobre a Covid-19 no verão

Colunistas