nsc
    dc

    Coronavírus

    Governo de SC altera decreto com medidas restritivas; veja mudanças

    Ampliação do horário de comércio de rua e proibição da prática de atividades esportivas em grupo estão entre as novidades

    24/03/2021 - 08h27 - Atualizada em: 26/03/2021 - 14h50

    Compartilhe

    Catarina
    Por Catarina Duarte
    Medidas foram alteradas no Diário Oficial de terça-feira (23)
    Medidas foram alteradas no Diário Oficial de terça-feira (23)
    (Foto: )

    O governo de Santa Catarina alterou trechos do decreto com medidas restritivas contra a Covid-19 publicado na sexta-feira (19). Entre as mudanças está a ampliação do horário de funcionamento do comércio de rua e a proibição da prática de esportes coletivos de lazer (veja abaixo).

    > Novo decreto de Joinville amplia isolamento e prevê volta da multa

    > Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

    As medidas valem até as 6h de 5 abril. O objetivo é tentar frear o contágio do coronavírus no estado. Até terça-feira (23), 774.409 pessoas foram diagnosticadas com o coronavírus e 9.833 delas morreram por conta da doença.

    Confira as mudanças no decreto estadual:

    Comércio de rua

    O comércio de rua pode funcionar das 8h às 20h. Antes, os estabelecimentos estavam autorizados a abrir a partir das 10h e fechar as portas às 20h.

    Atividades esportivas

    A prática de modalidades esportivas coletivas de caráter recreativo, competições e afins, com ou sem contato direto entre as pessoas, em qualquer local, público ou privado, está proibida em todos os níveis de risco.

    > Decretos em Santa Catarina: idas e vindas geram dúvidas sobre o que está em vigor

    > Pacientes com sintomas leves da Covid-19 podem transmitir o vírus por mais de 30 dias, alertam cientistas

    Na primeira versão do texto, apenas era citada a suspensão do calendário de eventos esportivos organizados pela Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte).

    Supermercados

    Antes era permitida a entrada de apenas uma pessoa da família. Com a mudança, o acesso aos supermercados é permitido com limite de até duas pessoas por família e ocupação simultânea de até 50% da capacidade do estabelecimento, das 6h às 22h, em todos os níveis de risco.

    > Acompanhe dados da vacinação em cada município de SC no Monitor da Vacina

    > Lockdown sem salário em Criciúma não teve adesão de nenhum servidor, diz prefeitura​

    Cursos presenciais

    Com a alteração do decreto, está permitida a execução de cursos presenciais em Santa Catarina. No entanto, eventos sociais, inclusive na modalidade drive-in, e reuniões de qualquer outra natureza, de caráter público ou privado, incluindo excursões e eleições cooperativas seguem proibidas.

    Foi incluída também a proibição para eleições cooperativas. Anteriormente, o texto não tratava do assunto.

    > É falso o calendário de vacinação contra Covid-19 que circula no Whatsapp

    > Governo de SC reconhece escassez de medicamentos e pede reforço ao Ministério da Saúde

    O que foi mantido no decreto:

    O decreto publicado na sexta, permite a permanência em praias, parques e praças para a prática de atividades esportivas de forma individual. O texto prevê ainda a aplicação de multa de R$ 500 para quem for flagrado sem máscaras. Em caso de reincidência, o valor é dobrado, chegando aos R$ 1 mil. A medida passou a valer na terça-feira (23).  

    > Empresa oferece R$ 13 mil para quem aceitar detox digital de 24h

    Transporte coletivo 

    Transporte coletivo urbano municipal, intermunicipal e interestadual pode circular com limite de ocupação de 50% da capacidade do veículo.

    > Bolsonaro defende a vacinação em massa e o "tratamento precoce" após reunião

    > Assassinato por uso de máscara foi filmado; polícia analisa

    O que pode funcionar com 25% de ocupação:

    - shopping centers, centros comerciais e galerias podem funcionar das 10h00 às 22h;

    - restaurantes, bares, pizzarias, sorveterias e afins podem funcionar das 10h às 22h. Clientes podem entrar até 21h e é permitida a apresentação artística individual;

    - demais atividades e serviços privados não essenciais podem funcionar das 9h às 19h.

    O que pode funcionar das 6h às 22h com limite de 25% de ocupação: 

    - utilização de piscinas de uso coletivo, clubes sociais e esportivos;

    - parques temáticos, parques aquáticos e zoológicos;

    - cinemas e teatros;

    - circos e museus;

    - igrejas e templos religiosos;

    - lojas de conveniência em postos de combustível;

    - áreas de uso coletivo em hotéis e similares.

    Leia mais:

    SC tem 90 mil cirurgias eletivas à espera, alerta secretário da Fazenda

    Laranja "gigante" é encontrada em quintal por moradora de Joinville

    Bebê de sete meses é a mais jovem a morrer por Covid-19 em Joinville

    Homem é flagrado abusando de criança de 7 anos dentro de um carro em Palhoça

    Colunistas