nsc
    hora_de_sc

    Investigações

    Grupo suspeito de execuções na trilha do Poção também está por trás de morte de adolescente no Sul da Ilha, diz delegado

    Segundo Ênio Matos, o mesmo grupo criminoso é investigado por quatro assassinatos este ano em Florianópolis

    21/11/2019 - 12h03 - Atualizada em: 21/11/2019 - 13h51

    Compartilhe

    Por Guilherme Simon
    crimes arquivo
    (Foto: )

    O grupo criminoso suspeito de executar três pessoas entre os meses de outubro e novembro na trilha da Cachoeira do Poção, no Córrego Grande, em Florianópolis, está envolvido em um quarto assassinato, revelou nesta quinta-feira (21) o delegado Ênio Matos, titular da Delegacia de Homicídios da Capital.

    De acordo com Ênio, as investigações das execuções na trilha do Poção avançaram nas últimas semanas e revelaram a participação do mesmo grupo no homicídio da adolescente Maria Eduarda de Medeiros Gavilan, de 15 anos, encontrada morta com dois tiros na cabeça em uma área de mata na região da Caieira da Barra do Sul, no Sul da Ilha, no último dia 20 de agosto.

    O delegado também informou que oito suspeitos de envolvimento nos crimes já foram identificados. A Polícia Civil acredita que eles integram um grupo criminoso que atua no Morro do 25, na região central da Capital catarinense, com envolvimento com o tráfico de drogas.

    Ênio disse que espera concluir o inquérito das execuções “o mais rápido possível”, mas não deu detalhes sobre a motivação dos crimes. No começo de novembro, o delegado afirmou acreditar que os homicídios haviam ocorrido por “motivos que não são os mesmos”. A definição sobre quantos dos suspeitos serão indiciados pelos homicídios ainda depende de outras investigações, completou o delegado.

    Execuções investigadas

    - Maria Eduarda de Medeiros Gavilan, de 15 anos, encontrada morta na região da Caieira da Barra do Sul, no Ribeirão da Ilha, no dia 20 de agosto;

    - Waldson dos Santos Amarante Filho, 32 anos, encontrado morto com marcas de tiros na trilha da Cachoeira do Poção, no Córrego Grande, no dia 9 de outubro;

    - Jeferson Pereira, 19 anos, encontrado morto com marcas de tiros dentro de um rio na trilha da Cachoeira do Poção, no dia 18 de outubro;

    - Bruna Rafaelli Ferraz de Freitas, 22 anos, morta a tiros na trilha da Cachoeira do Poção no último dia 2 de novembro.

    Acesse as últimas notícias do NSC Total

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC​

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas