nsc
    hora_de_sc

    Dicas

    Guia definitivo para preparação de concursos públicos

    Boa preparação para concursos públicos faz toda a diferença na aprovação e, por isso, preparamos um guia completo sobre o assunto

    23/11/2020 - 05h33 - Atualizada em: 23/11/2020 - 09h31

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação Hora
    Concursos públicos
    Concursos públicos exigem preparação adequada
    (Foto: )

    Você sabe como estudar para concurso público? Por conta da estabilidade oferecida pelos cargos ofertados no setor público, muitos brasileiros almejam a aprovação com o objetivo de garantir um futuro tranquilo para toda a sua família. No entanto, os certames estão cada vez mais concorridos, inclusive os municipais. Por esse motivo, uma boa preparação pode fazer toda a diferença.

    > Confira aqui todos os concursos públicos abertos em Santa Catarina

    Nesse contexto, é muito importante ter cuidados com alimentação, com a hidratação, saber como estudar, quais conteúdos dedicar mais atenção e também onde buscar a preparação para as provas. Todos esses detalhes, somados, fazem toda a diferença na definição de quem será aprovado dentro das vagas e quem não conseguirá o cargo efetivo.

    Quais são os cuidados com a alimentação e a hidratação?

    Antes de falar sobre como estudar para concursos públicos, é necessário destacar os principais cuidados em relação à alimentação e a hidratação, pois ambos o ajudarão a manter a sua mente saudável e mais produtiva para os estudos e também no dia da prova.

    > Calor favorece mudança de hábitos alimentares

    Primeiramente, é muito importante ter uma alimentação balanceada, ou seja, com a presença de carboidratos, proteínas, sais minerais, vitaminas e lipídios. Evite ficar por um longo tempo sem comer, pois isso pode resultar em queda de glicose, fazendo você passar mal. É fundamental ainda evitar excessos, principalmente de açúcares e gorduras.

    A hidratação também é essencial para o bom funcionamento do organismo. Por esse motivo, beba muita água diariamente, inclusive durante as provas. No dia do exame, é importante evitar bebidas com muito açúcar, como o refrigerante, pois a sensação é momentânea e depois do pico o estudante tende ficar mais cansado.

    Como estudar para concursos públicos?

    O estudo para concursos públicos realmente não é uma tarefa fácil. A concorrência é cada vez maior e também é preciso levar diversas questões em consideração para alcançar a aprovação.

    Metas e objetivos

    Primeiramente, é necessário definir o seu objetivo. Esse passo é fundamental, pois vai direcionar os seus esforços durante os estudos. Nesse momento é importante escolher uma área de interesse. Pode ser que você foque, por exemplo, na área de ou graduação, carreiras fiscais (trabalha como Fiscal Tributário) ou mesmo administrativas (atuar com Assistente ou Analista Administrativo).

    Plano de estudos

    A partir dos objetivos traçados, você pode tratar o seu plano de estudos. Ele deve estar de acordo com a sua área de interesse e com um edital do próximo concurso. Quem está estudando para concursos de nível médio, por exemplo, pode incluir matérias básicas e comuns a todos os certames como Português, Matemática e Informática e também conhecimentos específicos. Nesse momento, costuma entrar Direito Administrativo, Direito Constitucional etc.

    Já se a pessoa optar pela carreira fiscal, terá que incluir Contabilidade e Direito Tributário desde o início, pois são disciplinas com bastante peso nos certames dessa área.

    Perceba que não há um único plano de estudos que é válido para todas as pessoas, pois ele varia conforme os objetivos e as características de cada pessoa.

    Onde estudar

    É fundamental também escolher um local adequado para estudar. O ideal é que o ambiente seja arejado, iluminado, com pouca interrupção de pessoas e silencioso para que você possa se concentrar melhor. Dessa maneira, torna-se possível render mais nos estudos.

    Resolução de exercícios

    A resolução de provas anteriores e de questões específicas de cada disciplina é fundamental no processo de aprendizado. Esse momento é importante por diversos motivos. Entre eles estão:

    - você poderá verificar se está aprendendo um determinado conteúdo;

    - familiarizar com o grau de dificuldade das questões da banca organizadora;

    - verificar se o seu desempenho está evoluindo em cada disciplina.

    Essa questão é tão importante que deve influenciar seu plano de estudo. Por meio da verificação e da correção de cada exercício, torna-se possível observar quais as disciplinas com mais dificuldade e, assim, você poderá focar os seus estudos nessas matérias.

    O grande objetivo dessa prática é simular ao máximo o dia em que você fará o concurso. Por isso, vale muito a pena fazer questões da banca organizadora do seu certame para não ser pego de surpresa no dia da prova.

    Descanso

    Tão importante como as estudos, é o descanso. Tire um período do seu dia para descansar o corpo e a mente. É importante também ter uma rotina para o seu sono e dormir o número de horas adequado para que você possa estar bem-disposto no dia seguinte, inclusive no momento de estudar.

    > Conheça a influência do chocolate no sono

    Quais conteúdos estudar mais?

    Realmente essa é uma das dúvidas mais frequentes entre as pessoas que estão estudando para concursos públicos, especialmente os iniciantes. No entanto, não há muitos segredos. Basta estudar as matérias básicas (Português, Matemática e Informática) e as específicas do seu concurso.

    Português

    Essa disciplina está presente em todos os certames, independentemente da carreira, e costuma eliminar muitos candidatos. Por esse motivo, a língua portuguesa merece bastante atenção no seus estudos.

    O padrão das provas varia conforme cada banca organizadora. No entanto, é bastante frequente a incidência de questões relativas a interpretação de texto e alguns pontos gramaticais (concordância verbal e nominal, colocação pronominal, crase etc).

    A leitura diária de diversos gêneros textuais (notícias, romances, ficção etc.) e o domínio da norma padrão da língua portuguesa são fundamentais para se dar bem nessa disciplina.

    Matemática

    Assim como a língua portuguesa, a área de exatas também costuma estar presente em diversos certames. A matemática também é um pesadelo para vários candidatos e também elimina muita gente.

    Nos concursos, é bastante frequente a incidência de questões sobre raciocínio lógico. Nesse contexto é importante saber o que são proposições e conhecer a tabela verdade. Além disso, há questões sobre assuntos básicos na Matemática, como regra de três simples e composta, porcentagem, interpretação de gráficos e tabelas, estatística (incluindo média, moda e mediana), geometria plana e espacial etc.

    > Conheça a Lei de Antonieta de Barros que criou o Dia do professor em SC

    Informática

    Essa mais uma matéria básica e também presente em praticamente todos os concursos. Nessa disciplina é bastante comum a incidência de questões relacionadas ao Pacote Office (inclui Word, Excel e PowerPoint) e também os sistemas operacionais, o Windows costuma ser o mais cobrado.

    Costuma ser bastante frequente a incidência de questões relacionadas aos clientes de e-mail e webmails, navegadores, serviços de internet e questões relacionadas à segurança da informação.

    Específicas

    Além das três matérias básicas que citamos anteriormente, há a incidência de disciplinas específicas e elas variam bastante. Há alguns certames municipais que, por exemplo, cobram a Lei Orgânica Municipal e o Estatuto do Servidor da cidade.

    Além da questão da abrangência (se o certame é municipal, estadual ou federal), as matérias específicas variam conforme cada área. Caso seu foco seja, por exemplo, um concurso de analista ou assistente administrativo, é bastante frequente a incidência de Administração Geral e Pública.

    Por outro lado, se o seu objetivo é ser fiscal tributário, você terá que se dedicar bastante em Contabilidade, Direito Tributário e Legislação Tributária (pode ser municipal, estadual ou federal ao depender do exame).

    Caso tenha interesse em se dedicar na área policial, será necessário incluir também Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional e Direito Administrativo no seu plano de estudos.

    Agora, você deve estar se perguntando: se as específicas variam bastante, como vou saber o que vai cair no meu concurso? A melhor estratégia é verificar os editais anteriores e concursos semelhantes para identificar as tendências nas matérias específicas. Seguindo essa estratégia, você tende a estar melhor preparado e tende a se dar bem no dia do certame.

    Como não ficar ansioso ou nervoso no dia da prova?

    Realmente não é fácil controlar o nervosismo, pois você estudou por vários dias para um determinado concurso. No entanto, com algumas estratégias torna-se possível aliviar um pouco o stress na véspera e no dia do exame. Entre algumas dicas estão:

    - escutar música relaxante antes de entrar no local da prova;

    - não se apegar e ficar muito tempo nas questões mais difíceis;

    - consumir alimentos e bebidas que fazem acalmar (inclui frutas, chocolate, beber bastante líquido etc.)

    > Açúcar da fruta é bom ou ruim?

    > 10 aplicativos para cuidar da saúde física e mental

    Onde buscar a preparação?

    Há diversas fontes de estudo para concurso e elas servem para diferentes perfis de candidatos. Entre as principais opções disponíveis estão:

    Cursos preparatórios presenciais

    Contam com diversos professores à disposição do aluno para tirar dúvidas e colegas que permitem a troca de informações. Na maioria das vezes, estão presentes em grandes centros urbanos;

    Cursos preparatórios on-line

    Funciona de maneira bastante semelhante em relação ao anterior. A principal diferença é que todas as aulas são on-line;

    Livros

    Trata-se de uma excelente opção para quem deseja estudar por conta própria. É necessário estar atento em relação à qualidade dos materiais e buscar editoras reconhecidas e com experiência nesse mercado. Procure também por livros específicos para concurso, pois eles apresentam uma linguagem mais acessível e de fácil compreensão, porque abordam os pontos que costumam cair nos certames.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas