nsc
dc

Fique atento

IR 2021: veja quais são os documentos para declaração

Dados pessoais e comprovantes de rendimentos e despesas são necessários para preencher a declaração

02/03/2021 - 14h09 - Atualizada em: 24/05/2021 - 12h47

Compartilhe

Maria Eduarda
Por Maria Eduarda Dalponte
Para fazer a declaração do Imposto de Renda é preciso primeiro reunir a documentação
Para fazer a declaração do Imposto de Renda é preciso primeiro reunir a documentação
(Foto: )

Antes de sentar em frente ao computador ou celular para fazer a declaração do Imposto de Renda 2021, é preciso conferir a lista de documentos necessários para tornar o processo mais fácil e rápido.

> Imposto de Renda 2021: Receita recebe 438 mil declarações no primeiro dia de entrega

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Dados pessoais

O primeiro passo da declaração é preencher a identificação do contribuinte, por isso você deve ter:

• Nome completo • Data de Nascimento • Título de Eleitor • Endereço completo • Ocupação

Dependentes ou Alimentandos

Se você irá cadastrar os dependentes, é preciso dos seguintes dados:

• Nome • CPF • Grau de parentesco • Data de nascimento

> Imposto de Renda 2021: veja as regras da declaração

Quem pagar pensão alimentícia por ordem judicial, deve fazer a declaração na aba "Alimentandos", e deve ter os mesmos dados dos dependentes.

Rendimentos 

Você também precisa ter os dados de seus rendimentos recebidos ao longo do ano de 2020 por meio de trabalho, serviços ou investimento.

• Rendimentos de instituições financeiras, como bancos e corretora de investimentos • Rendimentos de salários, pró-labore, distribuição de lucros, aposentadoria ou pensão • Rendimentos de aluguéis • Rendimentos recebidos por doações, heranças, etc

Os informes de rendimentos e de plano de saúde em guia digital, podem ser importatos para o sistema na aba "Importações", não sendo necessário o preenchimento manual dos dados.

> Auxílio Emergencial 2021: benefício volta em março com parcelas de R$ 250, diz Bolsonaro

> Veja o calendário de pagamentos do PIS/Pasep 2020-2021

Pagamentos

Em pagamentos efetuados, você deve colocar as suas despesas durante o ano com a finalidade de conseguir deduções do imposto. Os pagamentos que devem ser declarados são:

• Despesas médicas • Despesas odontológicas • Seguro saúde • Despesas com educação • Doações realizadas

Os valores gastos pelo titular ou dependentes podem gerar deduções. O contribuinte deve solicitar à instituição que prestou o serviço um informe de pagamentos contento nome e CNPJ e o valor pago ao longo do ano passado. É preciso da assinatura e CPF/CNPJ do profissional prestador do serviço ou ainda notas fiscais.

Dívidas

Se você contraiu alguma dívida, como um empréstimo, por exemplo, é preciso reunir a documentação de comprovação.

Bens

Se você possuir bens como imóveis ou veículos, você deve reunir a documentação com os dados, como data de aquisição do imóvel, área, IPTU, número da matrícula e nome do Cartório onde o imóvel está registrado e, no cado de veículos, o número do Renavam e registro no órgão regulamentador.

Ainda é preciso declarar:

• Receitas e despesas com a atividade rural • Ganhos de capital com propriedades ou participações societárias, por exemplo • Operações com Renda Variável

Restituição

Você precisa informar uma conta corrente, poupança ou pagamento, caso você tenha imposto a ser restituído pelo governo federal.

> Imposto de Renda 2021: saiba como baixar o programa da Receita Federal

Guardar documentos

É importante que todos os dados informados na declaração enviada à Receita Federal sejam fiéis aos seus documentos. Além disso, é de suma importância que os comprovantes, faturas e demais documentações, como o comprovante de pagamento do imposto, sejam guardados durante cinco anos para garantir a comprovação de seus dados caso você caia na malha fiscal.

*Com supervisão de Carolina Marasco

Leia também

MEI precisa declarar Imposto de Renda em 2021? Entenda

Imposto de Renda 2021: como declarar investimentos na bolsa e criptomoedas

IR 2021: posso declarar gasto com farmácia?

Colunistas