nsc
hora_de_sc

DE BOA?

Medina vai perder última etapa do Mundial de Surfe porque não tomou vacina: "Sacanagem"; veja vídeo

Comitê Olímpico Internacional e Brasileiro disponibilizaram doses da vacina contra Covid para os atletas dos Jogos de 2020

05/08/2021 - 09h09 - Atualizada em: 05/08/2021 - 11h39

Compartilhe

Maria Eduarda
Por Maria Eduarda Dalponte
Gabriel Medina não vai disputar etapa no Taiti por não ter tomado a vacina
Gabriel Medina não vai disputar etapa no Taiti por não ter tomado a vacina
(Foto: )

O surfista Gabriel Medina não vai participar da última etapa do Mundial de Surfe em Teahupoo, no Taiti, porque não tomou a vacina contra a Covid-19. Com naturalidade, enquanto jogava Fortinite em sua primeira live na Twitch, o atleta explicou que poderia descartar uma das etapas da competição. Mesmo sem participar da última fase da maior competição da modalidade, Medina pode levar o tricampeonato Mundial.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

> O que é o gesto de protesto no pódio que será investigado nas Olimpíadas

— Eu não vou para Teahupoo porque não tomei a vacina, aí tem que fazer 10 dias de quarentena. Aí não dá tempo de ir do México para lá, porque é uma seguida da outra. Vou ser obrigado a não ir, sacanagem. Mas de boa. Eu posso descartar uma etapa, então está de boa — disse Medina durante a live.

Até agora o Mudial de Surfe da WSL já teve seis etapas. Medina lidera o ranking com 46,720 pontos. O segundo colocado é Ítalo Ferreira, atual campeão Olímpico, que tem 33,555 pontos. Nessa quinta-feira (5), Medina viaja para o México para disputar a sétima etapa, que ocorre entre 10 e 19 de agosto. A oitava e última fase corre no Taiti, entre 24 de agosto e 3 de setembro. 

> Opinião: Gabriel Medina cria imagem egoísta e mimada ao insistir na polêmica de Yasmin Brunet

Para participar de todas as etapas, os atletas precisam estar vacinados ou fazer quarentana de 10 dias entre as fases. Como Medina não tomou a vacina contra Covid-19 e não há o tempo mínimo entre as etapas, ele não poderá participar da competição no Taiti. Depois do México, o surfista vai disputar a final na Califórina, em setembro. Mesmo descartando e não competindo uma etapa, o surfista pode levar o tricampeonato Mundial.

Vacinação

> Medina fica sem medalha em Tóquio ao perder o bronze para australiano

Uma parceria entre o Comitê Olímpico Internacional e o Brasileiro forneceu aos atletas que foram para as Olimpíadas de Tóquio as doses da vacina contra a Covid-19. Segundo o COB, cerca de 90% dos atletas nacionais que foram aos Jogos tomaram ao menos a primeira dose do imunizante.

Leia também

Como acompanhar as Olimpíadas na NSC

Veja os catarinenses que já conquistaram medalhas olímpicas

Relembre as aberturas mais marcantes das Olimpíadas

Colunistas