Neste ano, a Sapecada da Canção Nativa festeja seus 30 anos valorizando a presença da mulher no mundo do nativismo. Entre os jurados do evento, está Loma Pereira, uma das mais reverenciadas e premiadas cantoras gaúchas.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Quando olhamos a história da Sapecada, identificamos que apenas outras três mulheres foram convidadas a fazer parte do grupo de jurados. Em 1994, na 2ª Sapecada, o evento teve a presença da cantora e compositora Maria Luiza Benitez. O tempo passou e na 15ª edição do festival, a jurada foi a cantora e jornalista Shana Muller. E no ano de 2015, o júri contou com a presença da cantora Juliana Spanevelo.

História do primeiro homem negro a receber o diploma do Ensino Médio em Lages é tema de livro

Esta trajetória mostra como é importante a presença de Loma Pereira nesta edição festiva da Sapecada.

Continua depois da publicidade

— Participo dos festivais nativistas e tradicionalistas desde 1973, portanto são 50 anos de carreira ininterruptas. E estar jurada, sendo mulher, neste importante festival da nossa cultura é uma honra, e um reconhecimento ao trabalho e dedicação das mulheres que trabalharam para fazer da Sapecada esse sucesso que ela é há 30 anos — ressalta Loma.

A cantora é orgulhosa e ciente da importância do seu protagonismo.

— A minha trajetória influenciou cantoras e músicos da geração posterior a minha. Isso como profissional da música, na qualidade de mulher e negra — comenta.

Nesta entrevista, a protagonista da sua própria vida e influenciadora de tantas outras, se apresenta ao dizer:

Festa Nacional do Pinhão deve movimentar mais de R$ 40 milhões em Lages

— Sou Loma Berenice Gomes Pereira, tenho 70 anos. Sou filha de mãe descendente de açorianos e pai pernambucano telegrafista da Marinha Mercante. Casada com o médico Sérgio de Borba, sou mãe de Daniel Pereira, e avó legítima da Ana Klara, da Alice e da Lívia, e bisavó de Luiz Fernando, que está com três anos. Só por essa trajetória aqui, já sou realizada — ressalta ela com seu olhar forte e sorriso largo.

Continua depois da publicidade

Mas, a trajetória de Loma vai além. Ela disseminou a música e a cultura nativista, afro-gaúcha e latino-americana no Rio Grande do Sul. Como mulher e negra, é intérprete destacada pelo pioneirismo nos festivais produzidos no estado gaúcho, recebendo várias premiações e menções honrosas.

Com cinco discos gravados, recebeu o prêmio Açorianos em três ocasiões: 1999 como melhor CD e intérprete MPB. Em 2019 foi homenageada pelo conjunto da Obra e em 2022 como melhor intérprete na categoria música Regional.

Confira a programação completa da 34º Festa Nacional do Pinhão, em Lages

— Tudo isso começou aos meus 12 anos, no coral da escola Jesus de Nazaré. Um dia, esse coral foi convidado para participar da ópera Aida, de Verdi, no Auditório Araújo Vianna. A partir dali, eu decidi que seria cantora — conta ela.

Um dos destaques da sua carreira, foi com o grupo “Cantadores do Litoral”, onde divulgou pelo Brasil e Portugal o legado afro-açoriano no Rio Grande do Sul. Além disso, já dividiu os palcos e gravações com nomes como Elza Soares, Gilberto Gil, Kleiton e Kledir (a voz dela está no hino porto-alegrense Deu pra Ti), Bebeto Alves, Neto Fagundes, Alceu Valença, entre tantos outros.

Continua depois da publicidade

Para o futuro, Loma tem uma certeza: seguirá cantando e, especialmente, servindo de inspiração.

FOTOS: Por dentro da história da Sapecada da Canção Nativa, em Lages

— Vou continuar a fazer shows em festivais de música e a incentivar outras mulheres a fazerem o que gostam na vida. A longevidade das pessoas se dá quando elas fazem o que amam. O mundo tem tudo a ganhar com isso — conclui ela.

Quem estiver na Festa Nacional do Pinhão, poderá conferir a presença de Loma Pereira, nos dias 24, 25 e 26 de maio, datas da realização da Sapecada da Serra Catarinense e da Sapecada da Canção Nativa, no Parque de Exposições Conta Dinheiro.

Veja fotos de Loma Pereira

Leia mais

Quem era Aracy Paim, homem que sonhou com o sucesso da Festa Nacional do Pinhão

Festa do Pinhão: saiba tudo sobre uma das maiores festas gastronômicas do Brasil

Destaques do NSC Total