nsc
dc

Internet

Roubo de senhas: o que fazer após um anúncio de vazamento?

De acordo com empresa de segurança cibernética, metade das contas que tiveram dados vazados são acessadas manualmente nas primeiras 12 horas após o vazamento do nome de usuário e senha

04/07/2021 - 13h00

Compartilhe

Por Fabrício Vitorino
Celular
Saiba o que fazer após um anúncio de vazamento
(Foto: )

Os anúncios de golpes e vazamentos de senhas e dados confidenciais estão cada vez mais frequentes. E, ao tomar conhecimento de que a nossa querida “password” foi comprometida, a dica é mudá-la, o quanto antes possível.

​> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

E, segundo pesquisa da Agari, empresa de segurança cibernética, metade das contas que tiveram dados vazados em ataques de phishing são acessadas manualmente nas primeiras 12 horas após o vazamento do nome de usuário e senha. O curioso é que as contas roubadas são abandonadas, na maioria das vezes, uma semana após o sequestro dos dados.

> Golpe do WhatsApp: saiba o que fazer e entenda tudo sobre

Por isso, não se descuide. Habilite autenticação em dois fatores. E, ao menor sinal de comprometimento de dados, mude a senha. Toma só cinco minutos do seu tempo – ao passo que a chateação por perder suas contas pode se arrastar por dias.

Leia também 

Golpe do PIX agendado é verdade? Entenda

Quais os melhores antivírus grátis?

4 motivos para não escolher a marca da vacina contra a Covid-19

Colunistas